Bruno Covas e Guilherme Boulos disputarão segundo turno em São Paulo

Extra
·1 minuto de leitura
Foto: Arquivo
Foto: Arquivo

O prefeito Bruno Covas (PSDB) vai disputar a reeleição contra Guilherme Boulos (PSOL) de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com 99,67% das urnas apuradas, Covas alcançou 32,85% dos votos enquanto Boulos obteve 20,24%.

Márcio França, do PSB, ficou em terceiro lugar, com 13,65%. Em seguida, aparecem Celso Russomanno (Republicanos), com 10,5%, Arthur do Val (Patriota), com 9,78%, e Jilmar Tatto (PT), com 8,65%.

Ao lado do governador João Doria no comitê de campanha do partido, Covas agradeceu aos votos por volta das 23h:

— A esperança venceu os radicais no primeiro turno e vai vencer os radicais no segundo turno — disse ele, ao lado do governador João Doria no comitê do partido, no bairro dos Jardins.

O prefeito reforçou discurso de que manterá em seu plano de governo propostas para diminuir desigualdade social na cidade, uma das principais bandeiras de seu adversário agora em diante. Do outro lado da cidade, no bairro periférico de Campo Limpo, Boulos reagiu:

— Nesse primeiro turno nós vencemos o Bolsonaro, vencemos o projeto de ódio, de atraso e de mentira que tentou se enraizar na cidade de São Paulo. Agora, no segundo turno, nós vamos vencer João Doria, porque é ele na verdade que governa a cidade — disse ele.