Bruxelas discute "abordagem coordenada" sobre a China

Bruxelas discute "abordagem coordenada" sobre a China

A Comissão Europeia convocou uma reunião para discutir possíveis medidas para uma "abordagem coordenada" sobre a China, na sequência da nova vaga de infeções de covid-19 em solo chinês.

Pequim afrouxou as rigorosas medidas de tolerância zero no início deste mês e deu aos residentes luz verde para viajarem para o estrangeiro. Também eliminou os requisitos de quarentena para as chegadas internacionais.

Bruxelas manifestou preocupação com a falta de transparência de Pequim em torno do recente aumento dos casos de covid-19 na China.

No meio de receios com novas variantes, os EUA, a Índia e o Japão já introduziram testes obrigatórios para todos os viajantes que chegam da China.

No bloco europeu, a Itália diz que vai começar a testar todas as pessoas que chegam da China e instou os outros membros da União Europeia a fazerem o mesmo.