Bruxelas propõe prorrogar fechamento da fronteira externa da UE até 15 de junho

O vice-presidente da Comissão Europeia, Margaritis Schinas

A Comissão Europeia propôs nesta sexta-feira (8) aos países do bloco a prorrogação do fechamento da fronteira externa da União Europeia (UE) até 15 de junho, anunciou o executivo comunitário.

"Apesar dos progressos registrados em muitos países europeus, a situação em todo o mundo é muito frágil", afirmou em comunicado o vice-presidente da Comissão, Margaritis Schinas.

A restrição das viagens "não essenciais" se aplica aos 27 países do bloco, exceto a Irlanda, assim como outros quatro países do espaço de livre circulação Schengen: Suíça, Liechtenstein, Islândia e Noruega.

A proibição não afeta moradores de longa duração na UE, familiares de cidadãos europeus, diplomatas, médicos, enfermeiros, pesquisadores, especialistas no combate ao vírus, nem transportadores.