'BTS: Yet To Come in Cinemas'; veja tudo o que se sabe sobre a exibição do show

A gravação do show “BTS: Yet to Come in Cinemas”, realizado na Expo Mundial de Busan, na Coreia do Sul, em 15 de outubro de 2022, será exibido nas telonas por tempo limitado a partir de 1º de fevereiro em mais de 110 países e territórios, incluindo o Brasil.

Diversas redes confirmaram a transmissão do espetáculo e já iniciaram a pré-venda em seus sites, aplicativos e bilheterias. Entre elas, estão: Cineart Multiplex, Cineflix Cinemas, Cinemark, Cinépolis, Kinoplex, Topázio Cinemas, e UCI Cinemas. Mais informações sobre onde o filme estará disponível estão disponíveis no site oficial da produção.

O evento, promovido em meio à candidatura da cidade de Busan para sediar a Expo Mundial de 2030, atraiu mais de 50 mil pessoas presencialmente e foi assistido por 49 milhões de espectadores em todo o mundo na transmissão ao vivo pela internet.

A versão a ser exibida nos cinemas passou por uma edição de som e imagem apropriada para o espaço. Algumas salas possuem tecnologia 4DX, como no cinema do New York City Center, no Rio de Janeiro, e Anália Franco, em São Paulo, onde o público pode ficar em cadeiras que vibram e se movimentam. Nestes espaços, espectadores podem perceber ainda mais de 20 efeitos especiais, que incluem diversas sensações e aromas.

A setlist, composta por 19 músicas (veja a lista completa mais abaixo), inclui hits como "Dynamite", "Butter", "Idol" e “Yet to Come (The Most Beautiful Moment)”. O show se destaca ainda por mostrar a primeira apresentação de "Run BTS", do álbum "Proof", lançado em junho de 2022, mês que marcou o aniversário de 9 anos de estreia do grupo, formado por RM, Jin, Suga, J-Hope, Jimin, V e Jungkook.

“A setlist inclui músicas que melhor representam o grupo, e qualquer pessoa – além do ARMY – pode facilmente cantar junto”, disse em comunicado a empresa de entretenimento Hybe, que detém a Big Hit Music, agência que administra o BTS.

Jin, integrante mais velho do grupo, de 30 anos, se alistou às forças armadas sul-coreanas, conforme rege a lei militar do país, que determina serviço obrigatório para todos os homens aptos. Os demais membros do BTS devem se alistar nos próximos dois anos. A expectativa da Big Hit Music é que o grupo retome suas atividades artísticas em 2025.

O site americano Consequence elegeu "BTS: Yet To Come in Busan" como um dos 10 melhores shows de 2022 transmitidos ao vivo pela internet.

"Dias antes do BTS anunciar sua decisão de se alistar e completar o período obrigatório de serviço militar da Coreia do Sul, os sete membros do maior grupo pop do mundo fizeram um grande show em Busan", afirmou o portal.

Embora o evento fosse voltado para reforçar a candidatura da cidade de Busan à Expo Mundial de 2030, a publicação destacou que o show teve como objetivo mais importante oferecer ao grupo a oportudade de passar mais um tempo no palco e estar junto aos fãs, chamados armys,"e eles aproveitaram o momento".

"Desde a emocionante apresentação de estreia de 'Run BTS' até o emocionante encerramento com 'Epilogue: Young Forever', 'For Youth', 'Spring Day' e 'Yet to Come', o septeto deu tudo de si com sua emoção visível, vocais poderosos e sua coreografia de marca registrada. A rap line do BTS — RM, Suga e J-Hope — entregou uma versão ardente de 'Cypher Pt.3: Killer'", completou.