Busca por informações sobre testes rápidos para Covid-19 dispara na internet

Elisa Martins
(Foto: Getty Images)

SÃO PAULO - Com a escassez de exames na rede pública para confirmação do novo coronavírus e o recente anúncio da venda de testes de Covid em farmácias, a busca por informações sobre os testes rápidos disparou nas pesquisas mais frequentes na internet, segundo dados do Google Trends, que monitora as tendências mais procuradas no Google.

A pesquisa pela expressão "Teste covid farmácia", por exemplo, cresceu 850% nos últimos sete dias no buscador. Já o interesse por "valor do teste rápido para covid" subiu 400% em uma semana. A pergunta "como é feito o teste rápido do coronavírus", por sua vez, saltou 780% nas últimas 48 horas. E "onde posso fazer o teste da covid-19?" subiu 660% nas buscas do Google.

Leia também

Além disso, de acordo com o Google Trends, a busca por "mortes por coronavírus Brasil" praticamente dobrou de terça-feira para quarta. O interesse pelo tema, afirma a empresa, saltou 80% em 24 horas depois que o Brasil registrou recorde de mortos pela doença em um único dia.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Perguntas gerais sobre a pandemia que desafia cientistas e médicos continuam no topo das buscas. A pesquisa por "como é a falta de ar da Covid-19?", por exemplo, saltou 900% nos últimos sete dias no Google. Já "qual o primeiro sintoma da covid?" subiu 300%.

Entre as questões que mais cresceram sobre coronavírus na última semana com a expressão "como é", estão "como é transmitido o coronavírus", com alta de 560%, e "como é o resultado da covid-19", com 220% de aumento de buscas.

Além disso, a divulgação de aumento de casos e as projeções sobre a curva da epidemia no Brasil se refletiram na alta de interesse dos internautas. A questão "como é o pico do coronavírus" subiu 220% nas buscas nos últimos sete dias.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.