Butantan entrega 800 mil doses de vacinas contra a Covid-19 ao Ministério da Saúde

·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 22.03.2021 -  O governador João Dória faz nova entrega de vacinas Coronavac. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 22.03.2021 - O governador João Dória faz nova entrega de vacinas Coronavac. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Instituto Butantan entregou nesta sexta-feira (11) ao Ministério da Saúde um lote de 800 mil doses da vacina contra a Covid-19.

Essa remessa da Coronavac é parte das 5 milhões de doses previstas para serem liberadas ao longo do mês de junho para o PNI (Programa Nacional de Imunizações). As informações são da Agência Brasil.

O novo lote está sendo produzido a partir dos 3 mil litros de IFA (ingrediente farmacêutico ativo) recebidos no último dia 5 de maio. As doses entregues nesta sexta contemplam o segundo contrato firmado com o governo federal para a entrega de 54 milhões de vacinas. O primeiro, de 46 milhões, foi cumprido em meados de maio.

Segundo informações do governo estadual, com as doses desta sexta, o Butantan chega às 48 milhões de vacinas fornecidas ao Ministério da Saúde desde 17 de janeiro, quando o uso emergencial do imunizante foi aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

O governo estadual informou ainda que, até o final de junho, o Butantan receberá um novo lote de 6 mil litros de IFA para a produção de mais 10 milhões de doses.

"Até o final de setembro cumpriremos o nosso projeto, nosso programa de entrega de 100 milhões de doses para o Ministério da Saúde. Vamos seguindo na produção ao longo dos próximos dias e estaremos fazendo uma entrega adicional de mais 5 milhões começando pelas 800 mil que estão sendo embarcadas para o Ministério da Saúde", disse o governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos