Butantan vai começar produção da ButanVac ainda nesta semana

·2 minuto de leitura
BRAZIL - 2021/03/26: In this photo illustration a medical syringe is seen with Butanvac logo displayed in the background. 
The vaccine from the Butantan Institute is being developed in Brazil. (Photo Illustration by Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images)
ButanVac ainda precisa de aprovação da Anvisa para início dos testes clínicos (Foto: Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images)
  • ButanVac começará a ser produzida nesta semana

  • Vacina do Instituto Butantan será feita na mesma fábrica do imunizante contra a gripe

  • Butantan já pediu à Anvisa autorização para início dos testes clinicos

O Instituto Butantan vai começar a produção da ButanVac, vacina contra a covid-19, ainda esta semana. A informação foi dada pelo diretor do instituto, Dimas Covas, em entrevista à rádio CBN.

“Começa a ser produzida no Butantan em larga escala ainda neste mês de abril. Existe uma fábrica pronta para isso, com grande capacidade. Vamos produzir um grande volume de doses dessa vacina, aguardando os testes clínicos. E serão divulgados oportunamente os censos que farão o recrutamento (de voluntários) e quais são os critérios”, afirmou Dimas Covas.

Leia também

A ButanVac será produzida na mesma fábrica onde é feita a vacina da gripe, pois a tecnologia é a mesma. Serão produzidas cerca de 40 milhões de doses da vacina, incialmente, para que sejam feitos os testes clínicos.

Pedido de testes à Anvisa

O Instituto Butantan enviou à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o pedido para início dos testes em humanos da Butanvac, vacina contra a covid-19 produzida pelo Butantan. O anúncio foi feito em entrevista coletiva no dia 23 de abril, no Palácio dos Bandeirantes.

O presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, explicou que foi submetido o pedido para realização das fases 1 e 2. A expectativa é que a avaliação seja feita rapidamente pela Anvisa. "É uma vacina que pode fazer diferença a partir do segundo semestre, diferença para o Brasil e para outros países", declarou.

"Lembrando aqui alguns fatos importantes relacionados a essa vacina: é uma vacina que será muito rapidamente produzida aqui no Brasil integralmente, não depende de nenhuma importação, temos uma capacidade enorme de fabricação", disse Covas.

"Já a partir da próxima semana, a fábrica da vacina da gripe (...) está liberada para iniciar a produção da ButanVac", lembrou. A tecnologia da ButanVac é a mesma usada na vacina contra a gripe, o que facilita a produção do imunizante. A fabricação da vacina não impacta a produção da CoronaVac, também do Instituto Butantan.