Câmara Municipal aprova tombamento do restaurante La Fiorentina, no Leme

A Câmara dos Vereadores aprovou nesta quarta-feira o projeto de lei que tomba, por interesse histórico e cultural, o restaurante La Fiorentina e o imóvel que ele ocupa, na orla do Leme, na Zona Sul do Rio. A proposta, da vereadora Monica Benicio (PSOL), prevê a preservação da fachada, paredes e colunas com assinaturas de celebridades nacionais e internacionais.

— É uma felicidade imensa. A Fiorentina é um museu — diz um dos sócios do negócio, o produtor e empresário Caio Bucker. — O momento já está sendo de retomada no mundo todo, e para a gente isso está sendo muito especial. Um dos nossos compromissos é manter o tradicionalismo, mas atualizar a Fiorentina. Vamos nos manter abertos a toda a população, com a nossa proposta cultural.

O La Fiorentina deu a volta por cima depois de ter o futuro incerto. Com dívidas, o negócio se fechou durante a pandemia e quase foi a leilão. No mesmo período, foi incluído pela prefeitura na relação de bens imateriais da cidade e também no Cadastro dos Negócios Tradicionais e Notáveis. Após a mobilização da comunidade, o estabelecimento reabriu em agosto passado, sob nova direção. A reestreia foi gloriosa: o restaurante chegou a ser cenário da novela "Pantanal", da TV Globo.

“Fico feliz por contribuir com a preservação do patrimônio histórico-cultural do Rio de Janeiro. O La Fiorentina é um espaço de memória privilegiado, que orgulha a todas e todos nós cariocas”, disse a vereadora Monica Benicio, em nota.

Fundado em 1957, o La Fiorentina é um ícone da cultura carioca. Suas paredes ostentam mais de 3 mil assinaturas e fotos de personalidades, como os jogadores de futebol Pelé e Zico, as cantoras Anitta e Nara Leão e o jornalista Ricardo Boechat. O estabelecimento também tem a tradição de abrigar shows, peças de teatro e outras atrações, sendo um importante espaço de divulgação cultural.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos