Câncer de próstata: conheça os sintomas e saiba como é o tratamento

Bexiga e a próstata
A próstata fica logo abaixo da bexiga e chances de câncer são maiores a partir dos 50 anos

A campanha feita por um jornalista da BBC salvou vidas e encorajou "milhares e milhares" de homens a fazerem testes para identificar de câncer de próstata, segundo especialistas. O radialista Bill Turnbull morreu da doença, aos 66 anos, na semana passada.

Quando Turnbull revelou seu diagnóstico, em 2018, a procura por informações sobre a doença no NHS (serviço público de saúde do Reino Unido) aumentou cerca de 20%, de acordo com a instituição de caridade Prostate Cancer UK. As ligações para sua linha de apoio também tiveram um grande aumento.

A notícia da morte dele pode ter tido um impacto semelhante.

Inspirar homens a serem testados para a doença foi a "única coisa útil" que ele fez em sua vida, disse Turnbull, admitindo que estava "zangado comigo mesmo" pelo orgulho que sentiu por não visitar um clínico geral em quatro anos.

Quais os sintomas mais comuns?

Os sintomas mais comuns da doença são:

  • necessidade de urinar com mais frequência, particularmente à noite

  • dificuldade em começar a urinar

  • fluxo fraco e demorado

  • sangue na urina ou sêmen

Esses sintomas também podem ser causados ​​por outras doenças - mas é importante que qualquer alteração seja verificada por um médico.

O que é câncer de próstata?

Parte do sistema reprodutor masculino, a próstata, do tamanho de uma noz, fica na pélvis, abaixo da bexiga.

Ele envolve a uretra - o tubo que leva a urina para fora do corpo através do pênis.

O câncer é o crescimento celular anormal e descontrolado. Mas na próstata, geralmente se desenvolve lentamente.

Os sinais ou sintomas podem não se manifestar por anos. E alguns nunca desenvolvem nenhum problema. Em outros, o câncer pode ser agressivo e mortal.

Bill Turnbull
Turnbull apresentou o programa Breakfast da BBC One por 15 anos, depois migrou para a rádio Classic FM; ele morreu de câncer de próstata

O diagnóstico e o tratamento precoces são fundamentais.

O câncer de próstata é hereditário?

As chances de desenvolver câncer de próstata aumentam com a idade. Casos com menos de 50 anos são raros.

Homens cujo pai ou irmão tiveram câncer de próstata têm um risco ligeiramente aumentado.

Também é mais comum em homens negros.

Existe um teste eficaz para identificá-lo?

Não existe um teste único para detectar o câncer de próstata.

Os médicos fazem um diagnóstico com base em vários fatores.

Isso pode incluir um exame de sangue do antígeno específico da próstata (PSA) e um scan, assim como uma biópsia, que envolve a coleta de uma pequena amostra de tecido para ser examinado no laboratório.

Mas os testes de PSA não são usados ​​rotineiramente para detectar câncer de próstata, pois os resultados podem não ser confiáveis. Um PSA alto nem sempre significa câncer.

Um grande estudo está testando se os exames de ressonância magnética podem ser uma maneira eficaz de rastrear o câncer de próstata em homens, de maneira semelhante às mamografias oferecidas às mulheres para verificar o câncer de mama.

E quanto ao tratamento?

Diferentes opções estão disponíveis e seu médico poderá aconselhar qual pode ser a mais adequada.

Se o câncer estiver em um estágio inicial e não estiver causando sintomas ou crescendo rapidamente, pode ser possível mantê-lo sob observação ou "observar e esperar".

Alguns cânceres de próstata podem ser curados com tratamentos como cirurgia e radioterapia.

A terapia hormonal também pode retardar o crescimento do câncer.

Também pode ser possível destruir as células cancerígenas usando frio extremo (crioterapia) ou ultra-som focalizado de alta intensidade.

- Este texto foi publicado em https://www.bbc.com/portuguese/geral-62774860

Sabia que a BBC está também no Telegram? Inscreva-se no canal.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!