Grupo islâmico garante ter derrubado helicóptero no noroeste da Síria

Cairo, 27 mar (EFE).- O Movimento Islâmico dos Livres de Sham, um dos principais grupos opositores da Síria, afirmou nesta segunda-feira que derrubou um helicóptero no norte da província litorânea de Latakia.

Em comunicado, os Livres de Sham assinalaram que o aparelho, que se desconhece se pertencia aos soldados governamentais sírios ou à Rússia, foi abatido pelas baterias antiaéreas do grupo perto da cidade de Salma, na região de Jabal Akrad, no norte de Latakia.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos confirmou que um helicóptero de origem desconhecida foi atingido pelos combatentes dos Livres de Sham, de tendência salafista.

A ONG acrescentou que, por enquanto, não se sabe o paradeiro do aparelho e sua tripulação.

Na província de Latakia, um dos redutos governamentais do litoral mediterrâneo sírio, junto à província de Tartus, se encontra a base aérea de Hamimim, utilizada por aviões e helicópteros russos, que respaldam o exército sírio, para lançar ataques em distintas partes do país.

O norte de Latakia é cenário de enfrentamentos entre os soldados leais ao governo de Damasco e distintas facções. EFE