Cabeça decapitada é encontrada em máscara do Homem-Aranha enviada pelo correio na Argentina

A cabeça decapitada de uma criança com uma máscara de homem aranha foi achada em uma caixa que seria enviada da Argentina para os Estados Unidos pelo correio. Segundo o jornal Infobae, a embalagem tinha destino a Brooklyn, Nova York (EUA). O remetente descreveu a máscara como um brinquedo, “um enfeite artesanal do Homem Aranha”.

O caso foi registrado na última semana e os restos mortais, que estavam mumificados, foram encontrados durante uma fiscalização de rotina do Correo Argentino. Como o scanner revelou formas compatíveis com ossos, a caixa foi aberta para descartar suspeitas de tráfico humano.

A cabeça estava “ cuidadosamente embrulhada em gaze”, sustentada por um gorro de lã. Ainda de acordo com o Infobae, acredita-se que pertencesse a um menino de nove a 12 anos.

A caixa foi despachada por uma pessoa usando nome falso em uma agência de San Telmo e tinha como destino o endereço de uma celebridade de reality show em Nova York. Entre as linhas de investigação estão a possibilidade de o envio ser parte de uma rede de tráfico humano ou de o remetente estar tentando "aterorizar" o famoso.