Caçador é preso no Acre após matar seu companheiro sem querer

Espingarda (Foto: Getty Images)
Espingarda (Foto: Getty Images)

Um jovem de 18 anos foi preso em flagrante após confessar que atirou acidentalmente em um homem na zona rural do município de Tarauacá, interior do Acre. A vítima foi atingida com um tiro de espingarda nas costas e acabou morrendo. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (16) pelo portal g1.

Segundo o delegado da cidade, Saulo Negreiros, o episódio aconteceu no final da tarde de sábado (14) e a polícia ficou sabendo somente no domingo (15). Equipes das Polícias Civil e Militar foram ao local e encontraram o autor que relatou como tudo aconteceu.

“O rapaz que efetuou o disparo contou que é caçador, estava na colônia com a arma municiada e quando estava saindo para caçar acredita que bateu o cano da espingarda na parede e acabou efetuando o disparo no colega dele. A equipe foi no local e foi o próprio autor que contou como tudo aconteceu, tentou prestar socorro, mas o rapaz morreu lá mesmo”, contou o delegado.

Ainda de acordo com o portal g1, o jovem deve passar por audiência de custódia ainda hoje e, conforme informou o delegado, ele vai ser indiciado por homicídio culposo.

O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Cruzeiro do Sul, e a arma, revelou o delegado, vai ser encaminhada para a perícia para verificar se realmente estava com problema.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos