Caetano se emociona em seu primeiro show após a morte de Gal Costa

O perfil de Caetano no Instagram postou o vídeo do momento em que o cantor começa a ficar com a voz embargada ao cantar a letra e é aplaudido e ajudado pelo público a seguir com a música.

Entrevista: Filho de Gal Costa fala sobre perda e luto: 'Minha mãe revolucionou o mundo inteiro'

'Dunas da Gal': Trecho da Praia de Ipanema é reconhecido como patrimônio cultural

Em seu primeiro show após a morte de Gal Costa, realizado neste sábado (19), em Florianópolis (SC), Caetano Veloso se emocionou ao interpretar "Trilhos urbanos", música dos versos “Gal cantando o Balancê/ Como eu sei lembrar de você…”.

Na legenda, o cantor escreveu: “Gal cantando o Balancê/Como eu sei lembrar de você…” 🎤🎶 Este foi o primeiro show que fiz depois da morte de Gal. Na hora não consegui me controlar e chorei muito. Viva Gal Costa! ❤️👈🏼 Muito obrigado, Florianópolis, por essa noite emocionante ontem. Hoje tem mais um show!"

Irmã de Caetano, Maria Bethânia prestou uma homenagem à antiga colega de Doces Bárbaros, em seu primeiro show após a morte da amiga, em Belo Horizonte (MG), na sexta-feira (18). "Tudo certo como dois e dois são cinco”, disse, em referência a música “Como 2 e 2”, de Caetano Veloso, eternizada na voz de Gal no seu álbum “FA-TAL – Gal A Todo Vapor”, de 1971.

A cantora também vem sendo homenageada em shows por colegas no Brasil e no mundo. No domingo passado (13), Milton Nascimento dedicou à amiga o último show de sua vida, no encerramento da turnê "A última sessão de música", no Mineirão, em Belo Horizonte. Durante a entrega do 23º Grammy Latino, Anitta e Thalia (duas dos quatro apresentadores da noite) fizeram uma breve homenagem à cantora, com um trecho de “Chuva de prata” na gravação do DVD “A Pele do Futuro” (2019) passando no telão, Anitta disse ao lado de Thalia: "Nos deixou uma figura icônica do meu país. Divertida, única e infinitamente talentosa. Gal, você vai fazer muita falta e esse show é para você".

Afastada dos palcos

Gal Costa morreu no dia 9 de novembro, em casa, aos 77 anos. Ela estava afastada dos palcos para se recuperar de uma cirurgia realizada em setembro para retirar um nódulo na fossa nasal direita. A cantora chegou a cancelar de última hora a participação que faria no festival Primavera Sound, em São Paulo, e, seguindo recomendações médicas, ela ficaria longe dos palcos até o fim de novembro.

Desde outubro do ano passado, ela rodava o Brasil com a turnê do show "As várias pontas de uma estrela", no qual revisitava grandes sucessos dos anos 1980 da MPB, incluindo "Açaí", "Nada mais", "Sorte" e "Lua de mel". A agenda da cantora previa ainda shows na Europa ainda neste ano.