Do café de bolso ao aspargo do mar, uma lista de sabores que prometem estar com tudo na estação que começa agora

Lívia Breves
·2 minuto de leitura

Novos ventos estão começando a soprar pelos cardápios para deixá-los mais outonais. Do Arroz de Altitude, com terroir do Vale do Paraíba, ao drip coffee, um café de bolso com grãos especiais, é a hora ideal para experimentar essas e outras tendências da temporada, como a salicórnia, as avelãs e ainda os drinques com uísque e os vinhos de pequenos produtores nacionais.

O Arroz de Altitude, chamado assim porque é cultivado a 700 metros acima do nível do mar, já está nas cozinhas dos melhores restaurantes do Rio. A ideia nasceu em 2017 em Nova York, quando o grupo MV&Co resolveu que produziria o melhor arroz brasileiro para levar aos restaurantes de lá e, em seguida, conquistou os chefs locais. Hoje são sete tipos que estão em 400 casas em todo o país, como o Gula Gula, que faz o arroz oriental e o poke usando os grãos. A salicórnia, conhecida como aspargos do mar ou sal verde, tem virado o tempero queridinho de vários chefs, entre eles Ricardo Lapeyre, que salpica a plantinha no carpaccio de vieira. Mas também tem no Grado, no Oteque, no Lasai e no Marchezinho. No Cipriani, o chef italiano Nello Cassese aposta nas avelãs, que para ele são a representação da estação, e lança o prato que combina as nuts com vieira e anchova.

O barista Leonardo Gonçalves está lançando para o seu Café ao Leu um drip coffee. O produto, que está sendo chamado de cápsula do futuro, vem em sachês, que são recheados com torras especiais para ser preparado onde quiser, basta água quente. Ainda nos bebes, as apostas são os drinques com uísque. No Liz Cocktail & Co tem garrafinhas de vários preparos para delivery. E, entre os vinhos, a sommelière Elaine Oliveira indica aproveitar os naturais brasileiros de pequenos produtores, que estão com ótimos rótulos e preços, como os produzidos nas vinícolas Era dos Ventos, da Vinha Unna e da Terra Isabel.

Anotado?