Caio Castro fica honrado ao ser o favorito do pai de Cristiano Araújo para viver cantor em filme: 'Em contato para fazer acontecer'

Depois de ler uma reportagem do EXTRA em que João Reis, pai do cantor Cristiano Araújo, diz que gostaria de ver Caio Castro interpretando o sertanejo nos cinemas, o ator, no ar como o Pablo de "Todas as flores", procurou o jornal para falar que se sentiu honrado por ter sido lembrado para o papel. O filme já começa a dar seus primeiros passos para acontecer: João está negociando com produtoras.

— Li há pouco a matéria em que o pai do Cristiano revela sua vontade de me ver interpretando o cantor em uma obra, e fiquei honrado e muito grato com a lembrança. Ficaria muito orgulhoso em interpretar um ícone da música brasileira, um artista de extrema importância para o sertanejo, estilo tão presente na vida do brasileiro. Quero, sim, ver o roteiro, entender a história brilhante construída pelo Cristiano Araújo na música popular brasileira. Já estou em contato com o meu time e com a Glaz (produtora da série "Rensga Hits!") para que possamos fazer acontecer esse projeto! Sou amigo do Felipe (Araújo, irmão do cantor), o que me motiva ainda mais estar no projeto — vibrou Caio Castro, animado, numa declaração exclusiva ao EXTRA.

João disse que vinha fazendo as negociações para o filme sobre o filho, que sofreu um acidente fatal em junho de 2015, antes da pandemia, mas que tudo ficou mais difícil com a chegada do novo coronavírus. Agora ele retomou o projeto e busca uma produtora para tocar o projeto. Ele revelou ainda que chegou a receber um convite do Globoplay para produzir um documentário sobre o cantor, mas que prefere uma obra de ficção.

— Eu queria algo maior, que a gente pudesse mostrar a importância do Cristiano para a música sertaneja para quem estiver por aqui daqui a muitos anos — explicou o pai, que acompanhava Cristiano Araújo desde o início da carreira e hoje é sócio do escritório que cuida do trabalho de seu outro filho famoso, Felipe Araújo. João ainda é pai de Ana Cristina, gêmea de Cristiano, e de João Vitor.

Na última quarta, ele lançou a faixa "Por que", que é uma gravação inédita deixada por Cristiano. Ainda há outras 9 canções inéditas em sua voz para serem lançadas. O pai pretende lançar um EP com cinco delas em janeiro, mês de aniversário do cantor que faleceu em um acidente de carro em 2015.