Caixa alerta para golpes e fraudes envolvendo o saque do FGTS

·2 min de leitura
Atividades criminosas já foram praticadas em 2020 durante a liberação do saque emergencial do FGTS
Atividades criminosas já foram praticadas em 2020 durante a liberação do saque emergencial do FGTS
  • Criminosos estão lançando aplicativos falsos do FGTS;

  • Para evitar golpes, trabalhadores precisam ficar atentos;

  • Valor para nascidos em janeiro começou a ser depositado nesta quarta.

Com o início das liberações do saque extraordinário do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) nesta quarta-feira (20), a Caixa Econômica Federal faz um alerta aos trabalhadores para que fiquem alerta sobre o risco de golpes e fraudes envolvendo a iniciativa.

Atividades criminosas já foram praticadas em 2020, durante a liberação do saque emergencial do fundo de garantia. Por isso, a Caixa reforça que os canais oficiais para consultas e demais trâmites envolvendo o benefício ocorrem exclusivamente pelos canais oficiais do banco, que são pelo site ou aplicativo.

Para confundir os trabalhadores, os criminosos estão lançando aplicativos falsos do FGTS, onde a pessoa coloca seus dados e o fraudador consegue ter acesso ao dinheiro disponível no FGTS. Para evitar cair nesse golpe, os trabalhadores precisam verificar sempre o desenvolvedor do aplicativo antes de instalá-lo.

A ferramenta original é aquela desenvolvida pela Caixa e pode ser baixada no site oficial do banco A instituição destaca que não tem o hábito de enviar mensagens solicitando a senha ou demais dados pessoais do trabalhador e também não envia nenhum tipo de link requerendo a confirmação do dispositivo, bem como o acesso à conta via e-mail, SMS ou WhatsApp.

Como evitar golpes do FGTS

  • Utilize apenas os canais oficiais da Caixa para obter informações sobre o FGTS

  • Não informe senhas e dados em outros sites ou aplicativos

  • Fique sempre atento a qualquer atividade e situação não usual, e principalmente não clique em links recebidos por SMS, WhatsApp ou redes sociais.

  • A Caixa nunca pede senha e assinatura eletrônica numa mesma página, sendo a assinatura digitada somente por meio da imagem do teclado virtual.

Aplicativo correto do FGTS

Antes de inserir seus dados, certifique-se de que está baixando o app da Caixa. Após isso, os seguintes passos são solicitados:

  • Ao baixar o app oficial FGTS, disponível no Google Play e Apple Store, cadastre seu e-mail e telefone;

  • Cadastre uma nova conta. Desta forma, o valor deverá ser transferido somente para a mesma, de sua propriedade (mesmo CPF);

  • Busque saques no extrato do app frequentemente para verificar se você não foi vítima de golpes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos