Caixa reduz juros para pessoas físicas e empresas

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta sexta-feira mais uma redução dos juros no crédito para pessoas físicas e empresas, em linhas como financiamento de veículos e cheque especial. O banco público também informou que registrou aumento de 39% na concessão de empréstimos nas linhas em que reduziu os juros.

Na pessoa física, a Caixa reduziu os juros para financiamento de veículos, Construcard e penhor. No caso de automóveis, as taxas máximas praticadas pelo banco baixaram de 1,55% ao mês para 1,26%.

Para empresas, foram cortados os juros em cheque especial e antecipação de recebíveis de cartões de crédito. Na primeira modalidade, o juro máximo cobrado caiu de 7,95% para 4,27% ao mês.

As novas taxas para o penhor e financiamento de veículos passam a vigorar a partir de sexta-feira. No Construcard, as taxas entram em vigor a partir do dia 21 de maio.

Essa é a quarta redução de juros do banco público desde o início de abril, quando lançou o programa "Caixa Melhor Crédito". O Banco do Brasil já fez três cortes e nesta quinta-feira anunciou redução das taxas de administração em fundos de investimento.

As reduções de juros nos bancos públicos fazem parte de uma estratégia do governo para forçar a queda do spread bancário, a diferença entre o custo que o banco paga para captar recursos e a taxa que ele cobra no empréstimo do cliente final. O objetivo é que os bancos privados façam o mesmo movimento que Caixa e BB. Até agora, Bradesco, Itaú Unibanco e Santander anunciaram apenas um corte de juros cada. Ontem, os presidentes de Bradesco e Itaú Unibanco afirmaram ao Grupo Estado que devem fazer novos cortes.

Carregando...

Siga o Yahoo Notícias