Caminhoneiros argentinos bloqueiam rodovias por falta de diesel

Os sindicatos de transporte da Argentina iniciaram uma paralisação nesta quarta-feira com bloqueios de estradas que já atingem 21 províncias do país, ocasionando enormes dificuldades aos setores produtivos e de transporte de cargas. Eles protestam contra a falta de diesel além dos preços altos do combustível.

Diante de maior adesão aos protestos, o governo abriu uma instância de diálogo com o objetivo de colocar um ponto final no conflito, segundo jornais locais. De acordo com o site Infobae, o Ministro dos Transportes, Alexis Guerra, se reunirá no fim da tarde com os setores que esta manhã bloquearam a rodovia Buenos Aires-La plata.

O protesto acontece no momento em que a Argentina se encontra no auge da safra de grãos - o país é um dos maiores produtores mundiais de milho e soja. Só nos arredores de Buenos Aires, os bloqueios nas estradas provocaram mais de sete quilômetros de congestionamento .

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos