Camisa usada por Maradona no famoso gol “mão de Deus” é vendida em leilão com lance recorde

O jogo era Argentina e Inglaterra nas quartas de final da Copa do Mundo de 1986. O dono da camisa, Diego Armando Maradona. O preço da relíquia: o equivalente a R$ 44,5 milhões. Esse é o resultado do leilão do uniforme do craque argentino que havia começado no dia 20 de abril, quase sem interessados e que foi encerrado com um lance recorde de £ 7.142.500, conforme informou nesta quarta-feira (4) a casa de leilões Sotheby's.

Até poucos minutos antes de baterem o martelo, as ofertas não iam muito além dos £ 4 milhões (R$ 24,9 milhões). Mas os valores começaram a subir com os lances de sete possíveis compradores.

O último deles conseguiu arrematar a camisa, sobre a qual havia dúvidas se era realmente a que foi usada por Maradona no segundo tempo da partida, quando o craque marcou os dois gols da Argentina. Um deles, o famoso "Mano de Dios" (a mão de Deus) e que é considerado o mais bonito da história das Copas.

Ao final do jogo, questionado se tinha feito o gol com a mão, Maradona respondeu: “marquei um pouco com a cabeça e um pouco com a mão de Deus”. O gol virou tema de livros e até filme na Argentina, terra do craque.

"Esta histórica camisa é uma lembrança tangível desse momento importante não só para a história do exporte, mas também para a história do século XX", afirma em um comunicado a Sotheby's.

Durante 35 anos, o item permaneceu com o ex-meio-campista inglês Steve Hodge, que trocou de camisa com Maradona ao término da partida. O episódio foi lembrado pelo próprio argentino em sua autobiografia "Tocado por Dios".

Com informações da AFP


Leia mais

Leia também:
Argentinos se manifestam para pedir esclarecimentos sobre morte de Maradona
"Maradona tinha compulsão por sexo e vício por drogas mais forte que paixão pela bola"
Grupo religioso devoto de Maradona realiza seu primeiro batismo no México

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos