Canais bolsonaristas faturam até R$ 1 milhão no YouTube com fake news sobre eleição

Além de impulsionar a circulação de notícias falsas, a militância bolsonarista nas redes sociais ganhou dinheiro propagando teses conspiratórias sobre o processo eleitoral. Levantamento conjunto entre O GLOBO, Novelo Data e Bites mostra que canais alinhados ao presidente Jair Bolsonaro (PL) faturaram até R$ 1 milhão com a reprodução de 1.960 vídeos no YouTube, que renderam 57,9 milhões de visualizações.

A plataforma, que remunera os usuários de acordo com o volume de acessos, não divulga as informações sobre monetização, mas empresas de análise de redes sociais estimam entre US$ 0,25 e US$ 4 para cada mil visualizações. Assim, os valores do levantamento variam entre R$ 68,4 mil e R$ 1,09 milhão.

Na íntegra da reportagem, saiba quais são os canais que mais divulgam fake news eleitorais e quais os argumentos utilizados para deixar os eleitores em dúvida acerca da segurança das urnas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos