EUA dizem que "responderão" a suposto ataque químico com ou sem aval da ONU

Nações Unidas, 9 abr (EFE).- Os Estados Unidos disseram nesta segunda-feira que "responderão" ao suposto ataque químico na cidade de Duma, an Síria, com ou sem o apoio do Conselho de Segurança da ONU.

"A História registrará este como o momento no qual o Conselho de Segurança cumpriu seu dever ou mostrou seu fracasso total e completo em proteger os sírios. De qualquer forma, os EUA responderão", afirmou a embaixadora americana na ONU, Nikki Haley.

Referindo-se ao líder sírio, Bashar al Assad, a diplomata ressaltou que os EUA estão "determinados a ver o monstro que usa armas químicas ser responsabilizado". EFE