Candidata em SP registra boletim por ameaças

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Candidata a deputada federal por São Paulo pelo PSDB, Claudia Carletto fez boletim de ocorrência na Polícia Civil após receber ameaças anônimas. No domingo (18), ela diz ter recebido cinco e-mails com xingamentos e ameaças.

Uma delas faz menção a "ação de execução" contra ela caso não desista da candidatura. A mensagem com conteúdo mais grave fazia referências a ataques em seu comitê de campanha e na sede do PSDB.

Nesta segunda-feira (19), a candidata esteve na Polícia Civil e prestou depoimento. Segundo afirma, foi instaurado um inquérito no Departamento de Operações Especiais (Dope).

Carletto tem como bandeira a inclusão de pessoas LGBTQIA+. Até abril, ela comandava a Secretaria de Direitos Humanos do município.