Candidata do PSDB à Prefeitura de São Vicente (SP), Solange Freitas é alvo de atentado

Cleide Carvalho
·1 minuto de leitura
Divulgação
Divulgação

SÃO PAULO — Solange Freitas, candidata do PSDB à Prefeitura de São Vicente, na Baixada Santista (SP) foi alvo de atentado na manhã desta quarta-feira. Um homem em uma moto disparou ao menos quatro vezes contra a janela do banco do carona do veículo, onde a candidata estava sentada. O carro era blindado e os projéteis não conseguiram romper o vidro.

Além de Solange, estavam no veículo três assessores e o candidato a vice, Gil do Conselho. Ninguém ficou ferido. O motociclista fugiu. A Polícia Militar faz buscas para encontrá-lo e imagens de câmeras de segurança poderão ajudar a identificar o autor dos disparos.

O PSDB confirmou o atentado em postagens nas redes sociais. "Novamente um ato violento contra uma candidata do PSDB. Nossa solidariedade à candidata Solange Freitas, de São Vicente (SP), cujo automóvel foi alvo vários de tiros. Aguardamos a rápida investigação do crime e a punição dos culpados"

"Felizmente, não há feridos neste episódio, inaceitável sob quaisquer circunstâncias, sejam elas políticas ou não", completou.

O governador João Doria afirmou que a violência contra a candidata é "um ataque à democracia" e informou que determinou à Polícia Civil que esclareça o episódio.

"O atentado contra a jornalista Solange Freitas, que concorre à Prefeitura de São Vicente, no litoral de SP, é uma violência condenável e um ataque à democracia. Determinei à Polícia Civil que esclareça este episódio e prenda o criminoso."