Candidato a deputado em Minas se apresenta como 'marketeiro do Bolsonaro'

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Candidato a deputado federal em Minas Gerais, o cientista político Michel Winter (PMB) se apresenta em material de campanha como "marketeiro do Bolsonaro".

Ele diz que o próprio presidente o estimulou a se candidatar com esse mote. "Bolsonaro me pediu para sair candidato e puxar voto no estado", afirmou.

Winter diz ter participado da campanha eleitoral de 2018 na equipe de comunicação do então deputado federal. "Eu trabalhava junto ao Gustavo Bebianno [ex-coordenador da campanha, morto em 2020], cuidava da agenda do presidente, estratégia política, negociações com os estados", afirma.

Na reta final da campanha daquele ano, após a facada sofrida pelo candidato, Winter diz ter se dedicado mais à estratégia para Minas Gerais.

Com experiência em diversas campanhas, desde os anos 1980, Winter estava mais recentemente cuidando da comunicação de Pablo Marçal, que tentou ser candidato a presidente pelo Pros.

O partido, no entanto, optou por apoiar Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e Marçal disputará mandato de deputado federal por São Paulo.

"Tenho uma história de superação muito bonita na minha cidade, vim de baixo", diz ele, natural de Ipatinga (MG).

Para se eleger, Winter aposta na associação com Bolsonaro e aos valores conservadores defendidos pelo presidente. Pastor, também acredita que terá forte apoio no eleitorado evangélico.

Bolsonaro costuma afirmar que na eleição de 2018 foi seu próprio marqueteiro, até porque praticamente não tinha tempo de TV e recursos financeiros para tocar uma campanha nos moldes tradicionais.