Candidato a vereador baleado em transmissão ao vivo tem alta

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O candidato a vereador baleado ao vivo, durante uma transmissão pela internet na manhã desta segunda-feira (9), em Guarulhos (Grande SP), teve alta médica na manhã desta terça-feira (10). A informação foi confirmada pelo hospital Nipo Brasileiro. Ricardo de Moura (PL), 40 anos, foi atingido com dois tiros quando esperava correligionários para fazer campanha no bairro Taboão. A vítima foi ferida no ombro direito e em uma das pernas, Os tiros teriam sido disparados por um homem de capuz, que fugiu para uma favela, em seguida. Moura foi primeiramente encaminhado ao HGG (Hospital Geral de Guarulhos), onde permaneceu "estável e consciente", segundo a Secretaria Estadual da Saúde, da gestão João Doria (PSDB). Segundo parentes do candidato, ele foi submetido a um procedimento cirúrgico, sobre o qual não foram dados detalhes, ainda na segunda. Apesar disso, segundo a assessoria do Nipo, o candidato será acompanhado por uma equipe do centro de traumatologia da unidade. Segundo a transmissão feita pelo candidato, sua fala é interrompida quando ele afirma "vamos fazer a diferença para Guarulhos". Após isso, a vítima caí no chão, da mesma forma que o celular. Segundos depois é possível ouvir um segundo disparo e um grito de dor, provavelmente de Moura após ser ferido.