Eleições 2022: Candidatos intensificam campanha no Acre; veja propostas

Candidatos ao governo do Acre conversaram com empresários, apoiadores e comerciantes (Getty Images)
Candidatos ao governo do Acre conversaram com empresários, apoiadores e comerciantes

(Getty Images)

  • Candidatos ao governo do Acre intensificam campanha nas ruas;

  • Gladson Cameli, Marcio Bittar e Mara Rocha participaram de eventos e visitas para falar com o povo;

  • Promessas foram feitas nos âmbitos de infraestrutura, educação e pobreza.

Os candidatos ao governo do Acre intensificaram as campanhas políticas nesta terça-feira (31) ao saírem às ruas e conversarem com a população. Gladson Cameli (PP), Marcio Bittar (União Brasil) e Mara Rocha (MDB) são alguns dos nomes que marcaram presença em estabelecimentos e eventos.

Em visita ao Mercado Elias Mansour, em Rio Branco, Cameli subiu em um carro de som e prometeu transformar o Acre em terra de oportunidades. "Vou investir ainda mais em infraestrutura, realizar concursos públicos, eliminar a burocracia dos serviços oferecidos pelo Estado, fomentar as políticas que incentivam a agricultura, o Agronegócio e outras áreas", disse o atual governador e candidato à reeleição.

Já Mara Rocha focou nas propostas para a educação. A deputada federal participou de evento promovido pelo sindicato da categoria e reiterou o compromisso de valorizar os profissionais da área, aumentar salários de professores e ampliar a transparência no que diz respeito às questões financeiras do Estado.

“Chegando ao governo vamos reunir com nossa equipe técnica e dialogar com professores e todas as demais categorias para garantir a valorização dos profissionais do Estado”, disse. “É compromisso nosso melhorar a educação em todo o Acre. Oferecer capacitação, melhorias financeiras e um apoio da gestão em suas atividades de ensino”.

Já o candidato da União Brasil, Marcio Bittar, dialogou com empresários em comércio localizado na Avenida Antônio da Rocha Viana, na capital. O atual senador reforçou a parceria com o presidente e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL), relembrou emendas focadas no Acre e prometeu resolver questões ligadas à violência e pobreza.

Veja as últimas pesquisas eleitorais para presidente:

“Temos uma juventude ociosa por falta de oportunidades e fazemos fronteira com dois dos maiores produtores de cocaína do mundo – a Bolívia e o Peru. A junção desses fatores criou um ambiente propício à explosão da violência e proporcionou ao tráfico uma farta mão de obra”, apontou. “O que temos a oferecer ao eleitor é a proposta de um governo tecnicamente qualificado, com capacidade para enfrentar e resolver os graves problemas que vemos se acumularem durante as últimas décadas”.

Na última terça-feira (30), o candidato Jorge Viana, do PT, também saiu às ruas em uma caminhada na Baixada da Sobral, em Rio Branco. Durante o trajeto, ele lamentou a situação da região e garantiu investimentos, caso eleito, para os moradores. “Nós vamos alegrar o Acre de novo. O acreano vai cantar seu hino, erguer sua bandeira, porque vai ter governo cuidando do povo. É isso que eu e Marcus Alexandre vamos fazer com a nossa senadora Nazaré”, concluiu.