Cantora gospel Bruna Karla critica casamento gay e Gil do Vigor rebate fala homofóbica: 'Atitude preconceituosa'

Um trecho de uma entrevista da cantora gospel Bruna Karla criticando o casamento gay viralizou nas redes sociais. Em sua fala, ela conta que um amigo perguntou se a artista iria ao casamento dele com outro homem. "O dia que eu aceitar, posso parar de cantar sobre a Bíblia e sobre Jesus", respondeu a cantora, afirmando ainda que se o amigo casasse com um "linda mulher e cheia de Deus", ela cantaria na celebração. Gil do Vigor comentou a fala no Twitter:

"De fato, quando Jesus aparecer alguém irá se envergonhar e não é seu amigo gay mas sim você por sua atitude preconceituosa! João 14 fala que Deus nos chama de amigos e a palavra amigo é forte demais para ser sustentada com base no preconceito e falta de amor ao próximo".

Bruna continuou na entrevista:

"Aos meus amigos, meus queridos ouvintes homossexuais: o que Deus tem para sua vida é libertação. Receba todo o meu amor, o meu respeito. Eu disso ao meu amigo: Deus não sonhou isso para você, me perdoa. Lá no julgamento, quando Jesus voltar e se ele (o amigo) estiver, e não vai estar, falei para ele, vai dizer assim: 'A Bruna andou comigo. Ela sabia que eu estava errado, que o caminho que eu estava escolhendo era de morte eterna".

O cantor Silva comentou "péssima" no vídeo que circula nas redes sociais. Valesca Popozuda também se pronunciou sobre a fala da cantora:

"Quando Jesus encontrar o amigo dela a primeira coisa que ele vai falar é: para que você ia estragar seu momento convidando ela?"

Bruna Karla não se pronunciou após o trecho viralizar. Nas redes sociais, os comentários em suas publicações estão trancados.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos