Capitão Kirk, de 'Jornada nas Estrelas', viaja ao espaço nesta quarta no foguete de Bezos. Saiba como será

·4 minuto de leitura

O ator William Shatner, que interpretou o papel do capitão James Kirk na série "Jornada nas estrelas", será o próximo a se aventurar no espaço. Aos 90 anos, ele viaja nesta quarta-feira (dia 13) pela Blue Origin, empresa de turismo espacial do bilionário Jeff Bezos.

O lançamento está previsto para ocorrer às 10h30, no horário de Brasília. O voo partirá de uma plataforma de lançamento no oeste do Texas. Shatner subirá cerca de 101,39 km antes que a cápsula de passageiros se separe do foguete da empresa, o New Shepard.

Um voo médio com o New Shepard dura um total de 11 minutos do início ao fim, com aproximadamente quatro minutos de ausência de gravidade no espaço.

Os fãs do seriado e das viagens espaciais podem acompanhar o novo voo da BlueOrigin em transmissão ao vivo nas plataformas digitais da companhia.

Também vão participar da viagem o cofundador do Planet Labs, Chris Boshuizen; o cofundador da Medidata, Glen de Vries e Audrey Powers, vice-presidente de missões e operações de voo da Blue Origin. A missão se chama NS-18.

"Já faz muito tempo que ouço falar do espaço. Agora estou aproveitando a oportunidade para ver com meus próprios olhos. Um milagre", ressaltou Shatner em comunicado à imprensa no dia do anúncio da viagem.

Com a empreitada, Shatner será a pessoa mais velha a voar pelo espaço, superando Wall Funk, de 82 anos, que participou do primeiro lançamento da Blue Origin, em julho.

Além de Funk, o próprio Bezos e seu irmão, Mark Bezos estavam no voo, bem como o estudante de apenas 18 anos Oliver Daemen, que se tornou a pessoa mais nova a decolar numa missão espacial.

O primeiro voo do foguete New Shepard decolou no dia 20 de julho e teve duração de 10 minutos e 20 segundos.

A busca por chegar ao espaço virou objeto de atenção e disputa nos últimos tempos. Além de Bezos, Richard Branson, da Virgin Galactics, e Elon Musk, dono da Space X, já deram passos nessa corrida.

Branson foi o primeiro civil a conseguir a façanha. No caso dele e de Bezos, foram realizados voos suborbitais, quando as espaçonaves não entram na órbita da Terra, mas sobem e voltam ao chão.

Já Musk conseguiu levar os primeiros turistas à órbita da Terra no mês passado.

Apesar do objetivo em comum, os empreendimentos possuem algumas diferenças em seus objetivos e estratégicas.

Branson tem planos mais "modestos". Seu foco é oferecer voos turísticos suborbitais para interessados no espaço. Já Bezos quer retomar viagens à Lua por meio do projeto Blue Moon, uma espécie de aeronave robótica que deve começar a viajar até lá dentro de três anos.

Neste primeiro momento, Musk se apresneta como o mais ousado. O dono da Tesla sonha colonizar Marte, reduzindo os custos para alcançar o planeta vermelho.

Ao contrário dos outros dois, ele não esteve presente no voo realizado pela sua empresa.

A viagem de Shatner é mais um passo de aproximação entre a indústria do audiovisual é o espaço.

O ator Tom Cruise chegou a conversar com os tripulantes da Space X. E, segundo o site NME, a empresa deve leva-lo à Estação Internacional para a gravação de um longa, resultado de uma parceria com a Nasa.

O filme, que é dirigido por Doug Liman, teria um orçamento estipulado de US$ 200 milhões. No entanto, ainda não há confirmação de uma possível voo com a participação de Cruise.

Quem já decolou foi a produção do diretor russo Klim Shipenko. A agência espacial russa Roscosmos, em parceria com a emissora pública Channel One, grava cenas para o filme com título provisório de “O Desafio” a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS).

O voo decolou no dia 5 de outubro e conta com uma equipe russa de três cosmonautas e dois profissionais de cinema, o diretor e a atriz Yulia Peresild.

O longa-metragem, que contará a história de uma médica enviada à Estação para salvar a vida de um astronauta, foi o primeiro a ser gravado diretamente do espaço.

A atriz e Shipenko passarão 12 dias filmando na parte russa da estação. Sem experiência no espaço ou na aviação, Yulia deu início a um treinamento ainda no primeiro semestre de 2021 logo após uma audição para o longa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos