Carioca 2020: 10 pessoas morreram no Hospital de Campanha do Maracanã em dias de jogos no estádio

Marcello Neves
O hospital de campanha montado no Complexo do Maracanã

O Campeonato Carioca foi finalizado na última quarta-feira com a decisão entre Flamengo e Fluminense. Quis o destino que, enquanto os Rubro-Negros comemoravam o 36º titulo do torneio no Maracanã, nenhuma morte fosse registrada no Hospital de Campanha localizado a poucos metros do estádio. Porém, unindo todas as partidas realizadas durante à pandemia da Covid-19, dez pessoas morreram no mesmo dia em que a bola rolou no local.

Ao todo foram sete jogos realizados em sete datas diferentes em meio à pandemia. Entre eles, três válidos por finais: a da Taça Rio e duas da finalíssima do Carioca. Houve morte em cinco datas diferentes, segundo números divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES).

Bangu 0 x 3 Flamengo: 18/06, quinta-feira: 2 mortes.

Flamengo 2 x 0 Boavista: 01/07, quarta-feira: 1 morte.

Volta Redonda 2 x 1 Resende: 02/07, quinta-feira: 2 mortes.

Flamengo 2 x 0 Volta Redonda: 05/07, domingo: 0 mortes.

Flamengo 1 (2) x (3) 1 Fluminense: 08/07, quarta-feira: 2 mortes.

Fluminense 1 x 2 Flamengo: 12/07, domingo: 3 mortes.

Flamengo 1 x 0 Fluminense: 15/07, quarta-feira: 0 mortes.

Ainda de acordo com SES, a operação de jogos no Maracanã não atrapalha o trabalho dos profissionais da saúde na instalação ao lado.

As dez mortes registadas no Hospital de Campanha do Maracanã se unem às 11.757 confirmadas no Rio de Janeiro devido a casos de Covid-19. No município, os óbitos são de 7.500. As informações estão no painel da Secretaria de Estado de Saúde.

Já o Brasil contabiliza 75.697 óbitos e 1.978.236 contaminações em decorrência da Covid-19, com 174 novos óbitos e 7.327 novas infecções por coronavírus desde às 20h de quarta, de acordo com boletim das 13h do consórcio de veículos de imprensa.

Nosso objetivo é criar um local seguro e atraente para os usuários se conectarem a interesses e paixões. Para melhorar a experiência de nossa comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários dos artigos.