Carioca: a três rodadas do fim da 1ª fase, do que Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco precisam para ir às semifinais

O Globo
·2 minuto de leitura

O Campeonato Carioca entra em sua reta final neste sábado. Faltando apenas três rodadas para o fim da Taça Guanabara, é alta a possibilidade de pelo menos um dos quatro grandes do Rio ficar de fora das semifinais. No momento, o Flamengo é o líder da competição, com 19 pontos e está virtualmente classificado à fase seguinte, enquanto o Fluminense, em quarto, com 13, fecha a zona de classificação.

A situação começa a se complicar para Botafogo (5º) e Vasco (7º). Apesar da distância para a zona de classificação ser curta — um ponto para o alvinegro e três para o cruz-maltino —, há apenas nove pontos em disputa, e qualquer tropeço a mais nas próximas rodadas pode ser fatal para a classificação.

Confira o que cada um dos times precisa fazer até o fim da 1ª fase para se garantir nas semifinais:

Flamengo

O Flamengo tem a tarefa mais simples dos quatro. Basta ao rubro-negro fazer um ponto, ou seja, empatar o clássico com o Vasco, na quarta-feira, para que chegue aos 20 pontos e não seja mais alcançado por equipes de fora do G4. Botafogo ou Madureira, que ainda podem chegar aos 20 pontos e empatar com o rubro-negro, ficariam atrás no número de vitórias, critério de desempate.

Fluminense

Duas vitórias e um empate são a receita certa para o Fluminense garantir-se, sem depender de outros resultados, na semifinal. No momento, as principais ameaças ao Flu são Botafogo e Madureira, ambos a apenas dois pontos de distância — mas ainda há confrontos diretos a disputar com as duas equipes nas últimas rodadas. Tropeços de ambos os rivais nas próximas rodadas podem adiantar a vida da equipe de Roger Machado.

Botafogo

O Botafogo abre a zona dos "secadores", com 11 pontos. Na melhor das probabilidades, o alvinegro precisa pontuar e torcer por tropeços de Fluminense ou Portuguesa (3ª) nas próximas rodadas para tirar as vantagens de dois ou três pontos, respectivamente, e seguir na briga pela classificação.

Se tropeçar neste sábado, contra o Volta Redonda, pode ver o Flu abrir até cinco pontos de vantagem, com apenas seis em disputa nas últimas duas rodadas, embora ainda tenha o confronto direto com o tricolor na rodada seguinte.

Ainda é possível, matematicamente, alcançar os líderes Flamengo e Volta Redonda, mas a distância torna a probabilidade remota, mesmo se bater o Voltaço.

Vasco

A situação do cruz-maltino, com 10 pontos, é a mais complicada. A três pontos do Fluminense, precisa fazer sua parte e torcer por tropeços do tricolor, bem como de Madureira ou Botafogo, rivais na luta pelo G4, com 11 pontos cada. Não terá qualquer confronto direto nas três últimas rodadas. Uma derrota no clássico contra o Flamengo aliada a vitórias de Fluminense e Portuguesa podem acabar com as chances matemáticas da equipe já na próxima rodada.