Carla Perez sobre cobranças e críticas pelo corpo: 'Não estou prejudicando ninguém se estou mais gordinha'

Carla Perez (Foto: Reprodução / Instagram @carlaperezcpx)

Um dos símbolos de beleza dos anos 2000, como dançarina do ‘É o Tchan’, a cantora infantil Carla Perez sempre se mostrou bastante consciente ao falar de vaidade e autoestima. Em entrevista para a ‘QUEM’, publicada neste sábado (23), ela revelou que está cada vez mais segura em relação a qualquer cobrança e que não se incomoda com críticas que recebe se está muito magra ou acima do peso.

Receba no seu Whatsapp as novidades sobre o mundo dos famosos (e muito mais)

“Tem momentos que eu estou mais acima do peso e as pessoas falam: ‘Você está gordinha’. Em outros momentos falam que estou muito magrinha. E daí? Eu estou feliz assim, está tudo bem comigo e meu marido está gostando. Não estou prejudicando ninguém se estou mais magra ou mais gordinha”, disse para a publicação.

Carla falou sobre a ‘onda de ódio’ que circula pela internet e que está em busca de quebrar padrões de beleza. Por isso, ela escolheu Mariana Xavier, atriz famosa por suas curvas mais avantajadas, para ser a rainha de seu bloco de Carnaval, o ‘Algodão Doce’.

Leia Mais: Juliana Paes deixa posto de rainha de bateria da Grande Rio

“Estamos em uma onda de muito ódio. As pessoas querem apenas machucar os outros. Tem algumas pessoas que eu até converso por direct no Instagram para conscientizar. As crianças estão tão preocupadas com estética e corpo perfeito… Escolhi a nossa rainha do bloco a Mariana Xavier, achei isso fantástico porque tinha a ver com esse momento”, falou para a QUEM.

Aos 41 anos, Carla diz ainda que não está preocupada com a opinião dos outros. “Sempre fui resolvida em relação a minha aparência, mas quando era mais nova ficava preocupada em agradar as pessoas. Não estou mais nesta vibe”, explica.

 

Ela também fala que passou essa confiança e boa autoestima para a filha, Camilly Victória. “Minha filha tem 17 anos e não se importa se alguém a critica. Ela diz: ‘Eu amo as minhas estrias, são minhas. Se não gosta, o problema é seu. Eu gosto de mim’. Quando ela era pequena, ela tinha aquela coisa de querer o cabelo liso, fazer progressiva… Mas agora não. Ela assumiu os cachos e está gostando dela do jeito que ela é.”

Carla reforçou a importância de mostrar para os filhos que padrões de beleza precisam ser quebrados – e o valor da autoestima. “O tempo inteiro eu também falo: ‘Minha filha, você é linda. Eu te amo. Você é melhor parte do meu corpo’. Eu passo para os meus filhos que o importante não é o que você tem, é o que você é. O tempo inteiro”, contou para a publicação.

Assista a seguir:  Famosas usam a fama para falar sobre feminismo