Carnaval 2022: Império Serrano é campeão da Liga-RJ e desfilará no Especial no próximo ano

RIO — A Império Serrano se sagrou campeã da Liga-RJ e voltará ao Grupo Especial em 2023. Dona de nove títulos da elite do carnaval do Rio, a verde e branco de Madureira desfilou com o enredo "Mangangá", um célebre capoeirista baiano, do carnavalesco Leandro Vieira, e também venceu o Estandarte de Ouro, prêmio O GLOBO/Extra.

O enredo narrou a história de Manuel Henrique Pereira, imortalizado como o capoeirista Besouro Mangangá, que segundo a lenda tinha o corpo fechado e protegido pelos orixás. A escola, que levou até um drone para a Avenida, mostrou ainda sua luta pela libertação dos negros. A grande novidade do desfile foi a bateria do Mestre Vitinho, que trouxe um naipe de berimbaus. As fantasias, estampas das baianas e da bateria foram outro ponto de destaque no desfile.

A Império Serrano havia sido rebaixada em 2019 e em 2020 viveu um dos seus piores momentos da história. Com muitos problemas financeiros a escola desfilou com fantasias incompletas, como as baianas que passaram pelo Sambódromo sem as saias.

Com o título da Império Serrano, Leandro Vieira se sagrou bicampeão do grupo de acesso. Em 2020, com a Imperatriz Leopoldinense, o carnavalesco também conseguiu o acesso ao grupo especial. Nos dois carnavais, Vieira também assinou o trabalho na Mangueira.

Rebaixadas, Santa Cruz e Cubango irão desfilar na Intendente Magalhães no próximo ano. A série Prata, terceira divisão do carnaval do Rio, terá os desfiles na Intendente na sexta-feira e as duas melhores classificadas serão promovidas à Sapucaí em 2023.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos