Carnaval no Rio: O que você precisa saber sobre o desfile na Sapucaí

Ingressos para acompanhar festa na avenida custam de R$ 10 a R$ 68 mil. (Photo: Buda Mendes via Getty Images)
Ingressos para acompanhar festa na avenida custam de R$ 10 a R$ 68 mil. (Photo: Buda Mendes via Getty Images)

Acompanhar de perto o desfile das Escolas de Samba na Marquês de Sapucaí, o Sambódromo do Rio de Janeiro, é o sonho de 99,99% daqueles que são apaixonados pela magia e pelo glamour do Carnaval.

O Desfile das Escolas do Grupo Especial acontecerá em duas noites - 3 e 4 de março (domingo e segunda-feira), com abertura dos portões do Sambódromo prevista para as 16 horas.

Quem quiser participar da festa em 2019, precisa correr. Os ingressos estão à venda desde o dia 30 de novembro do ano passado pelo site da Total Acesso e podem ser adquiridos online até o dia 22 de fevereiro, com parcelamento em até 4 vezes nos cartões de crédito.

As vendas presenciais estão acontecendo desde o último dia 4 de fevereiro em um estande atrás do setor 11 do Sambódromo, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h. Nesse caso, no entanto, o pagamento só é permitido em dinheiro.

Preços

Assistir ao cobiçado espetáculo na capital fluminense tem um preço. Segundo a LIESA (Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro), o mais barato, que dá direito a um assento na arquibancada especial nos setores 2 e 3, custa R$ 100 (R$ 50 a meia-entrada). Há também ingressos para as arquibancadas populares, que ficam nos setores 12 e 13 e cobram o simbólico preço de R$ 10 (R$ 5 pela meia- entrada).

O ingresso mais caro, por outro lado, pode chegar a impressionantes R$ 105 mil. Ele é válido para o Super Camarote “A”, localizado no setor 8A e com acomodação para até 30 pessoas.

Todos os preços podem ser encontrados diretamente no site da liesa.globo.com.

Setores

Assim como acontece no Desfile do Anhembi, em São Paulo, o Sambódromo do Rio de Janeiro também é dividido por setores e, quanto mais perto da “folia”, mais caros são os ingressos.

São cinco os tipos de setores para assistir aos desfiles: Arquibancadas (divididas em Especiais, Turísticas ou Populares), Cadeiras (individuais), Frisas (com 6 ou 4 lugares), Box Especiais (com 12 lugares) e Camarotes (12, 15, 18, 24 ou 30 lugares).

Os preços para cada um dos setores citados são os seguintes (válidos para ingressos ‘inteiros’):

Arquibancadas Especiais

Setores 2 e 3: R$ 200

Setores 4 e 5: R$ 250

Setores 6 e 7: R$ 280

Setor 8: R$ 300

Setores 9 e 10: R$ 220

Arquibancadas Turísticas Numeradas

Setor 9: R$ 500

Arquibancadas Populares

Setores 12 e 13: R$ 10

Cadeiras

Setor 12: R$ 190,00

Frisas (6 lugares)

Setores 2 e 3: De R$ 4.300 a R$ 6.500

Setores 4 e 5: De R$ 4.800 a R$ 7.000

Setores 6 e 7: De R$ 5.200 a R$ 7.500

Setor 8: De R$ 5.800 a R$ 8.000

Setor 9: R$ 8.000 / Setor 9 (Turístico): R$ 6.100

Setores 10 e 11: De R$ 4.500 a R$ 6.000

Frisas (4 lugares)

Setor 12: De R$ 1.250 a R$ 1.900

Setor 13: De R$ 900 a R$ 1.900

Boxes Especiais (12 lugares)

Setor 7: R$ 45.000

Camarotes - Lado par

Setor 2: De R$ 50.000 a R$ 60.000

Setor 4: De R$ 55.000 a R$ 65.000

Setor 6: De 59.000 a R$ 70.000

Setor 8: De R$ 62.000 a R$ 74.000
Setor 10: R$ 33.000

Super Camarote “A”

02A: R$ 82.000

04A: R$ 91.000
06A: R$ 100.000
08A: R$ 105.000

Super Camarote “B”

02B: R$ 56.000

04B: R$ 60.000
06B: R$ 64.000
08B: R$ 68.000

Lado ímpar

Setor 3: R$ 38.000

Setor 5: R$ 48.000
Setor 7: R$ 52.000
Setor 9: R$ 55.000

Super Camarote “A”

03A: R$ 82.000

05A: R$ 91.000
07A: R$ 100.000

Super Camarote “B”

03B: R$ 56.000

05B: R$ 60.000
07B: R$ 64.000
09B: R$ 68.000


Censura

As crianças são liberadas um ano mais jovens a entrar nos Desfiles do Rio de Janeiro. A partir de 5 anos de idade completos, desde que acompanhadas por pais ou responsáveis, as crianças já podem curtir todas as emoções da Sapucaí.


Como chegar

Assim como em São Paulo, a recomendação aos foliões é que utilizem transporte público para chegar com menos dores de cabeça ao Sambódromo.

Para os setores pares, o ideal é descer na estação da Praça Onze. Saindo da estação Praça Onze, vire duas vezes para a direita, seguindo em frente para o Setor 2. Se os seus setores são 8, 10 ou 12, tome a Rua Carmo Neto até a Av. Salvador de Sá.

Já para os setores ímpares, a explicação é a seguinte: A melhor estação de descida é a estação Central. De lá, siga a pé até o Sambódromo, que estará a uma distância de mais ou menos 700 metros.

Tanto as linhas de metrô quanto as de trem e de ônibus funcionarão 24 horas por dia durante o Carnaval no Rio de Janeiro. Para descobrir as melhores linhas de ônibus, basta consultar o site da Secretaria Municipal de Transportes da cidade.

Estacionamentos

Não é a opção mais tranquila, mas há quem não troque o conforto do carro próprio pelo transporte público nem mesmo no Carnaval. Para essas pessoas, fica o alerta: A Prefeitura do Rio de Janeiro costuma interditar e proibir o estacionamento em dezenas de ruas da região.

Os estacionamentos mais próximos do Sambódromo podem ser encontrados neste link.

Quem preferir usar táxis para ter acesso ao Sambódromo, certamente terá vida mais fácil, pois haverá pontos específicos nas ruas Estácio de Sá e Marquês de Pombal. Motoristas de aplicativos estarão liberados na rua Afonso Cavalcanti.

Hospedagem

Segundo o site TripAdvisor, há uma boa gama de hotéis próximos ao Sambódromo e com preços para todos os bolsos. O Málaga, por exemplo, parte de R$ 238 a diária, enquanto o Vila Santa Teresa tem acomodações a partir de R$ 2.421.

Encontre a melhor opção para você clicando neste link.

O que pode e o que não pode levar?

As restrições sobre o que é permitido levar para o Sambódromo e o que é proibido são bastante similares às praticadas em São Paulo.

Segundo o site da Liesa, “O espectador poderá levar até 02 (dois) vasilhames plásticos de 500 ml com bebida (água, suco, refrigerante ou cerveja) e até 02 (dois) itens de alimentação (fruta, salgado ou sanduíche). Continua proibida a entrada de isopores, garrafas de vidro, sacolas, armas, objetos cortantes, fogos de artifício e sinalizadores.

Programação

Os Desfiles do Grupo Especial começam exatamente no mesmo horário no domingo (3) e na segunda-feira (4): 21h15.

Confira abaixo a ordem dos desfiles nos dois dias. Cada escola terá 1 hora e 5 minutos para passar pelo Sambódromo da Marquês de Sapucaí;

Domingo (3)

21h15 - Império Serrano - O que é o que é?

22h20 - Viradouro - Viraviradouro

23h25 - Grande Rio - Quem nunca? Que atire a primeira pedra

0h30 - Salgueiro - Xangô

1h35 - Beija-Flor - Quem não viu vai ver as fábulas do beija-flor

2h40 - Imperatriz Leopoldinense - Me dá um dinheiro aí

3h45 - Unidos da Tijuca - Cada macaco no seu galho. Ó meu pai, me dê o pão que eu não morro de fome!

Segunda-feira (4)

21h15 - São Clemente - E o samba sambou

22h20 - Vila Isabel - Em nome do pai, do filho e dos santos, a Vila canta a cidade de Pedro

23h25 - Portela - Na Madureira moderníssima, hei sempre de ouvir cantar um sabiá

0h30 - União da Ilha - A peleja poética entre Rachel e Alencar no avarandado do céu

1h35 - Paraíso do Tuiuti - O salvador da pátria

2h40 - Mangueira - História para ninar gente grande

3h45 - Mocidade Independente de Padre Miguel - Eu sou o tempo. Tempo é vida

Os desfiles dos grupos de acesso acontecerão nos dias 1º (sexta) e 2 (sábado) de março, a partir das 21 horas (7 escolas na sexta-feira e 6 no sábado).


Desfile das Campeãs

Será realizado no sábado, 9 de março, com a presença das 6 primeiras colocadas no Desfile do Grupo Especial, a partir das 21h15.

As Escolas com mais títulos

As maiores campeãs do Carnaval do Rio de Janeiro são, pela ordem, Portela (22 títulos), Mangueira (19), Beija-Flor (14), Salgueiro e Império Serrano (9 títulos cada).

LEIA MAIS:

10 fantasias masculinas para o Carnaval 2019

Como tirar maquiagem de glitter sem poluir

5 inspirações de maquiagem masculina com glitter para o Carnaval

Love HuffPost? Become a founding member of HuffPost Plus today.

This article originally appeared on HuffPost.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos