Carro atinge multidão do lado de fora de bar na Pensilvânia, deixando 1 morto e 17 feridos

Serviço de emergência atende local de atropelamento do lado de fora de bar na Pensilvânia, nos EUA

(Reuters) - Pelo menos uma pessoa morreu e 17 ficaram feridas no sábado depois que um carro atingiu uma multidão do lado de fora de um bar em Berwick, no Estado norte-americano da Pensilvânia, onde um grupo estava arrecadando dinheiro em prol das vítimas de um incêndio recente, segundo a polícia e a mídia local.

Um homem de 24 anos foi acusado neste domingo como culpado de dois homicídios, um em conexão com a morte no bar e outro com uma fatalidade em separado. A polícia diz que, depois de atingir a multidão, por volta das 18h no horário local, Adrian Oswaldo Sura Reyes viajou para a cidade próxima de Nescopeck, onde a polícia alega que ele matou uma mulher.

A polícia não identificou a mulher nem deu um motivo para o crime. O jornal Times Leader informou que o legista do condado de Luzerne disse que a mulher morta de 56 anos era a mãe do suspeito.

Um juiz ordenou prisão sem direito a fiança de Reyes após audiência neste domingo, disse a Polícia Estadual da Pensilvânia.

O advogado de Reyes não pôde ser localizado neste domingo.

(Por David Shepardson)