Carro bomba deixa seis mortos em ataque contra policiais no Egito

ISMAÍLIA (Reuters) - Um carro bomba que tinha como alvo um clube de policiais na cidade egípcia de El Arish matou seis pessoas e feriu 10 nesta quarta-feira, de acordo com fontes de autoridades de segurança do Egito. A ramificação egípcia do Estado Islâmico, Província do Sinai, reivindicou responsabilidade pelo ataque, descrito como ataque suicida a bomba. O grupo matou centenas de soldados e policiais desde que o exército egípcio derrubou o presidente Mohamed Mursi em 2013, após protestos em massa contra o governo. O presidente do Egito, Abdel Fattah Al-Sisi, disse que militantes islâmicos formam uma grave ameaça ao Egito, país árabe mais populoso.