Cartunista erótico Milo Manara critica Elon Musk por usar seu desenho sem permissão

O cartunista italiano Milo Manara, conhecido pela vertente erótica de sua obra, não ficou nada feliz em ver um quadrinho seu sendo usado por Elon Musk em postagem sobre o ex-presidente Donald Trump.

Transição: Ex-ministro da Cultura diz que pretende elevar o teto de captação da Lei Rouanet

Estreias no cinema: 'Pinóquio', 'Serial Kelly', 'Sra. Harris vai a Paris' e mais

Recentemente, Musk, novo dono do Twitter, reativou a conta do ex-presidente dos Estados Unidos, mas foi ignorado pelo político, que não reativou o perfil até o momento. Não satisfeito, o bilionário postou uma arte de Manara que traz uma mulher se oferecendo sexualmente a um padre, que tenta resistir.

Manara não curtiu a brincadeira e reclamou em seu perfil no Instagram: "Gostaria que Elon Musk fosse obrigado a tuitar mil vezes: 'Não usarei nunca mais os desenhos de Milo Manara sem permissão. Não usarei nunca mais os desenhos de Milo Manara sem permissão. Não usarei nunca mais..."

O italiano ainda ironizou a recente compra do Twitter por Musk: "Vocês acham que devo processá-lo, pedindo US$ 44 bilhões de indenização? Assim eu poderia recomprar o Twitter e entregá-lo a outra pessoa".