Casa Branca diz que investimento em carregadores de carros elétricos atinge US$700 mi

Por Timothy Gardner

WASHINGTON (Reuters) - A Casa Branca disse nesta terça-feira que empresas planejam investir mais de 700 milhões de dólares para aumentar a capacidade de fabricação de carregadores de bateria de veículos elétricos nos Estados Unidos, o que deve tornar a tecnologia mais acessível.

Os investimentos incluem 450 milhões de dólares destinados pela unidade Electrify America, da Volkswagen, e mais de 250 milhões de dólares pela Siemens para expandir fábricas de carregadores de veículos elétricos no Texas e na Califórnia.

A FLO, uma operadora de rede de recarga de veículos elétricos, também está investindo 3 milhões de dólares em sua primeira fábrica nos EUA.

Os investimentos ajudarão a aumentar a capacidade de fabricação de carregadores no país para mais de 250 mil por ano, disse a Casa Branca, sem fornecer um número para a capacidade de produção atual.

Os investimentos de empresas privadas seguem mais de 7,5 bilhões de dólares em subsídios que estavam na lei bipartidária de infraestrutura aprovada no ano passado.

A rede de carregamento público dos Estados Unidos para veículos elétricos está se tornando mais robusta, mas diferenças significativas em confiabilidade e desempenho permanecem entre os fornecedores, segundo um ranking do setor elaborado pela empresa de consultoria de engenharia Umlaut neste ano.