A casa de Daniel de Oliveira em ‘Onde está meu coração’ tem estilo minimalista e aconchegante, veja como usá-lo

·3 minuto de leitura

“Onde está meu coração”, novidade no Globoplay, tem rendido bons comentários sobre a decoração das casas dos personagens, pela riqueza de adornos e por uma arquitetura linda, superclean, trazendo o estilo minimalista bem forte nos cenários. No apartamento do arquiteto Miguel (Daniel de Oliveira), os ambientes amplos e com poucos elementos imprimem uma atmosfera limpa e solar aos cômodos.

Os tons neutros são os mais marcantes, mas não é só de tonalidades neutras que se compõe uma tendência. Poucos objetos dão ao lugar uma fluidez e simplicidade que, ao mesmo tempo, trazem refinamento e requinte para a decoração, deixando claro que o projeto aqui segue a linha “menos é mais”. Nos espaços a seguir, trouxemos dois exemplos de cair o queixo com essa tendência pela qual também somos apaixonados e que queríamos compartilhar com vocês. Confira ao lado!

Tons neutros predominantes

A arquiteta Bianca da Hora assina o projeto de atualização desta casa de 1.200m² no bairro Itanhangá, no Rio de Janeiro. Originalmente projetado por Lia Siqueira, o imóvel ganhou reforma em todos os cômodos, com destaque para os ambientes sociais, onde predomina a estética minimalista. Executado em 90 dias, o trabalho valoriza a coleção de obras de arte dos moradores e atende ao pedido principal da família: ampliar a circulação e tornar os espaços mais arejados e integrados, sem excessos.

Os painéis em peroba mica e as paredes brancas potencializam a luz natural abundante que permeia os ambientes. A base neutra valoriza e destaca o mobiliário seleto e sofisticado, que reúne clássicos e expoentes do design brasileiro, como Jorge Zalszupin, Jader Almeida, Guilherme Wentz, entre outros, que primam pela praticidade, beleza e funcionalidade.

Encontramos essas características também no projeto da designer Nayara Cardoso para um apartamento no famoso Edifício Icon Brickell, na Brickell Avenue, no centro de Miami. De frente para a orla de Biscayne Bay, com vista para o Rio Miami, Downtown Miami, Miami Beach e Key Biscayne, o imóvel é rodeado por parques verdes exuberantes e trilhas de caminhada em ambos os lados. Diego Panella, brasileiro de 39 anos com cidadania americana, mora nos EUA desde 1997. Ele queria uma paleta neutra, de tons claros, incluindo a cozinha, totalmente integrada à sala, já que seu hobbie favorito é cozinhar, preparar drinques e receber os amigos em casa. Por isso, ele também pediu uma sala versátil que pudesse acomodar mais pessoas em dias de visitas. A ideia era transformar o apartamento numa espécie de oásis urbano, um refúgio no meio da cidade, com atmosfera aconchegante, contemporânea e, ao mesmo tempo, sofisticada, conjugando o estilo urbano chique com uma vida luxuosa à beira-mar. A inspiração foi o próprio local onde está o edifício. O ponto de partida aconteceu com a criação de um layout que priorizasse a vista do mar, evitando obstáculos. A grande faixa de espelho estrategicamente colocada na parede atrás do sofá, por exemplo, reflete o mar, o céu e seus variados tons de verde e azul dentro da sala. Todos os demais elementos contribuem para esse clima de relaxamento, desde a paleta neutra e calma à seleção de objetos, móveis, texturas naturais, plantas e afins.

A coluna "Casa de Novela" é assinada pelo arquiteto e urbanista Guilherme Galvão e pelo engenheiro Douglas Alexandre.

Site: ggarquitetura.arq.br

Instagram: @2amarelos e @ggarquitetura.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos