Casa de colecionador de ornamentos é tão cheia que ele precisa cozinhar na casa dos pais

Um colecionador aficionado, conhecido como “Orminator”, precisa cozinhar e lavar suas roupas na casa dos pais, porque sua casa é repleta de objetos de decoração.

Lawrence Cobbold encheu sua casa, três galpões e uma garagem com 20.000 objetos de decoração, que valem aproximadamente 60 mil euros.

Aos 43 anos de idade, ele se mudou para uma casa nova com o objetivo de ter mais espaço para sua coleção, mas ainda precisa cozinhar e levar suas roupas na casa dos pais, pois cada centímetro de sua casa parece estar lotado.

Aves- todos os itens da coleção de Lawrence estão ligados de alguma forma a pássaros (fotos: SWNS)

Lawrence deu início ao seu hobby há 30 anos. Hoje, ele tem cerca de 14.000 dedais, 2.000 pesos de papel, 1.000 imãs de geladeira e cerca de 300 pratos, bem como fotos, canecas e enfeites de montar – todos ligados, de alguma forma, a pássaros.

O atendente de armazém Lawrence, de Plymouth, Devon, Inglaterra, anteriormente morava numa casa de dois quartos. Ele se mudou para uma antiga propriedade de seu pai Tony, que possui três quartos e bem mais espaço.

Tony, de 65 anos, vendeu sua garagem para Lawrence, tudo para o filho ter espaço extra para armazenar sua coleção. Apesar disso Lawrence ainda precisa fazer a maioria das coisas na casa dos pais.

Tony disse: “Ele não consegue preparar refeições ou lavar roupas na própria casa, então precisa fazer isso na nossa”.

Lotada – A casa de Lawrence está completamente cheia de itens de coleção

O pai acrescentou: “Ele costumava dormir na nossa casa também, mantendo a própria casa apenas para expor seus objetos, mas agora ele encontrou espaço para colocar uma cama em um dos quartos”.

“Ele não pode cozinhar em casa; a sujeira ou gordura poderiam danificar sua coleção”.

“Apesar disso, ele tem uma chaleira para fazer chá ou café de vez em quando”.

Bricabraque – Lawrence tem cerca de 14.000 dedais, 2.000 pesos de papel, 1.000 imãs de geladeira e 300 pratos, canecas e enfeites de montar.

Lawrence disse: “Eu tenho um espanador, mas muitas das peças são delicadas demais para espanar”.

“A melhor maneira de limpá-las é tirar a poeira com um aspirador”.

Tony, pai de Lawrence, costumava ter periquitos, canários cacatuas e pintarroxos em casa, por isso ele acredita que o interesse do filho pelos pássaros começou por causa dele.

Ellen Manning

Yahoo News UK