"Casa Gucci": Lady Gaga falou com sotaque italiano até fora do set

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
American singer and actress Lady Gaga in Piazza del Duomo on the set of the film House of Gucci, directed by Ridley Scott. Milan (Italy), March 11th, 2021 (Photo by Marco Piraccini/Archivio Marco Piraccini/Mondadori Portfolio via Getty Images)
Lady Gaga durante as gravações de "Casa Gucci" em Milão, na Itália, em março de 2021 (Foto de Marco Piraccini/Archivio Marco Piraccini/Mondadori Portfolio via Getty Images)

Resumo da notícia:

  • Lady Gaga falou com sotaque italiano por nove meses para viver protagonista de "Casa Gucci"

  • "Nunca saí da personagem fora das câmeras. Eu me mantive com ela", disse artista

  • Por causa da entrega ao papel, Gaga afirma ter sofrido abalo psicológico após as gravações

Lady Gaga se entregou completamente para viver Patrizia Reggiani, mandante do assassinato do marido Maurizio Gucci, em "Casa Gucci". Em entrevista à Vogue UK, a artista afirmou que falou com sotaque italiano durante os nove meses de trabalho, dentro e fora do set.

“São três anos desde que comecei a trabalhar nesse filme e serei totalmente honesta e transparente: eu vivi como ela por um ano e meio. E eu falei com sotaque durante nove meses”, afirmou. "Nunca saí da personagem fora das câmeras. Eu me mantive com ela."

Leia também:

Indicada ao Oscar de melhor atriz em 2019 após estrelar ‘Nasce Uma Estrela’ (2018), Gaga passou a imitar os gestos de Patrizia. “Era quase impossível para mim falar com o sotaque fora das câmeras. Eu pintei meu cabelo e passei a viver como ela com tudo o que via, tudo o que tocava, passei a prestar atenção onde e quando podia encontrar dinheiro”, contou.

Adam Driver e Lady Gaga nas filmagens de
Adam Driver, intérprete de Maurizio Gucci, e Lady Gaga nas filmagens de "Casa Gucci" (Foto: ReproduçãoInstagram@ladygaga)

Por causa da entrega, a atriz e cantora afirma ter sofrido um abalo psicológico com o final das filmagens. “Eu sempre estava no meu quarto de hotel, vivendo e falando como Reggine, ou no set, vivendo e falando como ela. Lembro de um dia sair para passear pela Itália, de chapéu. Eu não passeava há mais de dois meses e entrei em pânico. Achei que estava em um set”, revelou.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Na entrevista, Gaga ainda contou por que não quis se encontrar com Patrizia Reggiani, condenada pela prisão de Maurizio e solta pela Justiça italiana em 2016, após 18 anos de cadeia. "Senti que só poderia fazer justiça a essa história se a abordassem com o olhar de uma mulher curiosa, com um espírito jornalístico de interpretar o que estava acontecendo nas entrelinhas de cada cena. Ninguém ia me dizer como Patrizia era, nem mesmo a Patrizia”, explicou a artista.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos