Casa de Ibaneis Rocha onde PF cumpriu buscas já foi considerada a mais cara de Brasília; veja fotos

A casa do governador afastado do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), foi alvo de busca e apreensão nesta sexta-feira, no âmbito das investigações sobre possível conduta omissa de autoridades durante a invasão das sedes dos três poderes. A mansão foi declarada por Rocha no valor R$24,1 milhões, segundo informações da justiça eleitoral.

A residência fica no Lago Sul, região nobre de Brasília. O governador afastado finalizou o processo de aquisição do imóvel em 2019, logo após a sua primeira eleição vencida. Na época, o então presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci), Geraldo Nascimento, indicou que esta teria sido a casa mais cara já vendida no DF

Não é primeira vez que a mansão é um lar de políticos. Ibaneis Rocha comprou o imovel da família do ex-deputado federal Heráclito Fortes (DEM-PI), que já foi condenado pelo Tribunal de Justiça do Piauí a ressarcir os cofres do município de Teresina por gastos indevidos com publicidade, quando foi prefeito na capital do estado.

O governador afastado era o mais rico dentre os candidatos nas eleições de 2022, com declararam total de patrimônio em R$79,8 milhões. O valor declarado nas eleições de 2018 foi de R$94,1.

Ibaneis Rocha, reeleito em primeiro turno em 2022, atuava na advocacia antes da candidatura em 2018. Ele é sócio - atualmente licenciado - em um escritório que leva seu nome - o Ibaneis Advocacia e Consultoria, estabelecido em 1994.