1 / 4

Casal divorciado se reúne todo ano para tirar foto de família com o filho

Foto cortesia de Krystal Covington Photography.

Casal divorciado se reúne todo ano para tirar foto de família com o filho

Adam Dyson e Victoria Baldwin podem estar divorciados, mas isso não os impedem de ser bons pais.

“Não nos amamos, nem sempre concordamos, não somos melhores amigos e muitas vezes não gostamos da companhia um do outro. Mas sabe o que somos? Somos ligados para sempre por causa do nosso lindo, inteligente, gentil, divertido e compassivo filho, “escreveu Baldwin numa postagem no Facebook, compartilhada pela página Love What Matters.

O casal se divorciou quando o filho tinha apenas dois anos. Embora os pais vivam em estados diferentes, (Victoria está servindo o exército no Alaska e Dyson é ex-militar e faz faculdade na Carolina do Sul), eles se esforçam para passar um tempo junto com o filho a cada 12/18 meses e tirar uma foto de família.

“Adam e eu não somos pais perfeitos, mas quando nos divorciamos, fizemos um acordo para sempre colocar nosso filho em primeiro lugar e valorizar o que cada um de nós pode trazer para a vida dele”, ela escreveu. “Nós dois precisamos estar por perto, merecemos passar bons momentos com nosso filho e criar boas memórias. Nenhum de nós culpa um ao outro pela direção que nosso relacionamento tomou. Não colocamos a culpa um no outro, muito menos culpamos nosso filho pelo nosso divórcio”.

As fotos quase anuais de família começaram antes do divórcio, quando Victoria, que era fotógrafa profissional, começou a tirar fotos do casal. Quando Bruce chegou, Victoria queria fotos que “registrassem o crescimento do filho”.

“Não houve discussão”, disse Victoria ao Yahoo Canada. “Perguntei a Adam se ele gostaria de tirar essas fotos com o Bruce. Ele concordou e achou uma ótima ideia. Assim, decidimos naturalmente incluir um retrato de família na sessão de fotos, além de fotos individuais nossas com Bruce. Depois que tiramos nossas primeiras fotos profissionais pós-divórcio, decidimos continuar a tradição de tempos em tempos”.

E foi assim que começou uma linda tradição, esperada por Bruce com grande expectativa.

“Como o divórcio aconteceu pouco depois do segundo aniversário de Bruce, ele não tem quaisquer lembranças do pai e da mãe em um relacionamento romântico”, disse Victoria. “Ele adora quando estamos todos juntos!”

Mas não é só Bruce que curte os retratos de família. As fotos de Victoria no Facebook já receberam milhares de curtidas e centenas de comentários de pessoas que compartilharam suas próprias experiências de vida com ela.

“Que bom que vocês fazem isso! Este é um verdadeiro ato de abnegação em prol da criança! Meu ex e eu continuamos amigos, nos respeitamos e nos damos muito bem. Não apenas por nossos quatro filhos, mas também por nós mesmos!”, escreveu uma pessoa.

“Isso é muito importante. Durante a infância, eu tive fotos de família com “minhas duas famílias”. Havia uma separação tão grande naquilo que fazia com que eu me sentisse duas pessoas diferentes”, disse outra.

“Queremos que Bruce saiba que as famílias não precisam se adequar a um molde específico para ser uma família, mesmo quando as coisas parecem estar desabando. Queremos que ele saiba que é possível reinventar o relacionamento em família de formas diferentes e ainda ter felicidade e alegria no coração”, disse Victoria. “O final de um relacionamento romântico não significa o fim de uma relação em família, isso quer dizer apenas que precisamos encontrar uma nova forma de amar e cuidar do nosso filho juntos, ainda que não sejamos um casal.  Dois lares, duas vezes mais amor, é o que eu sempre digo!”.

Erica Rae Chong
Yahoo Canada Style