Casal idoso nos EUA procura tutor paciente e vacinado contra Covid-19 para ensiná-lo a jogar 'The last of us II'

·1 minuto de leitura

RIO — Um anúncio de emprego publicado num site de classificados para a região de San Jose, na Califórnia, EUA, se sobressaiu recentemente por trazer requisitos incomuns entre as costumeiras ofertas de trabalho. Direcionada a jogadores de videogames profissionais, a proposta foi assinada por um casal de idosos que deseja aprender os comandos do sucesso "The last of us part II" para PS4, que está causando dificuldades para eles.

"Precisamos de uma pessoa que conheça os jogos e saiba como lidar com o controle. Precisamos de alguém que seja paciente e possa ensinar sem nos julgar, sem ficar frustrado ou irritado por 2 a 3 horas. Queremos desfrutar dessa diversão", pediram.

Outra informação destacada no anúncio diz respeito à vacinação contra Covid-19. O casal disse que já está imunizado e exige que seu novo tutor também já tenha tomado as duas doses, mediante apresentação do comprovante.

"Podemos mostrar nosso cartão (de vacinação)", acrescentou o casal, afirmando ainda que ter referências para o trabalho é um diferencial.

Uma captura de tela da postagem feita pelos idosos foi compartilhada no Twitter, no último domingo, dia 26, pelo jornalista Gene Park, que escreve sobre jogos eletrônicos para o "Washington Post". A publicação dele repercutiu e, até o momento, soma 12 mil curtidas. Chamou atenção ainda que uma das pessoas a ter reagido ao post foi a dubladora Shannon Woodward, que interpreta a personagem Dina no videogame. Ela brincou com a situação e deixou um comentário perguntando como poderia se candidatar à vaga.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos