Caso Henry: Leniel Borel agradece à Câmara por aprovação de lei de combate à violência contra crianças inspirada em seu filho

Pelas redes sociais, o engenheiro Leniel Borel, pai do menino Henry, agradeceu a Câmara dos Deputados pela aprovação do projeto de lei que aumenta a pena em casos de violência doméstica e familiar contra criança e adolescentes. O texto, que seguiu para sanção presidencial, foi aprovado ontem por unanimidade entre os parlamentares justamente no dia em que a criança faria 6 anos. Como já passou pelo Senado, a matéria segue para sanção presidencial.

No texto, publicado na noite de ontem, Leniel Borel faz um "Agradecimento aos Nobres Deputados Federais que hoje fizeram a diferença para todas as crianças e adolescentes do nosso Brasil" e agradece ainda "amigos, familiares, seguidores, jornalistas e todos. Sim, todos que contribuíram direta ou indiretamente por esta vitória na luta justiça e proteção das nossas crianças e adolescentes".

Ele também fez uma referência da homenagem a Henry com a Lei Maria da Penha: "Meu filho, Henry Borel, pagou um alto preço para que chegassemos a este dia tão importante na luta por justiça por todas as crianças do Brasil. Uma grande vitória, assim como a Lei Maria da Penha foi para todas as mulheres".

Ainda na publicação, ele destaca que "hoje vemos o poder legislativo fazendo a diferença pelas crianças, sendo uma grande força no combate à violência contra criancas e adolescentes. Esperamos que o poder judiciário, a polícia, delegados também sigam o mesmo caminho e façam com que a lei seja cumprida de forma exemplar, dando voz e salvando muitas, milhões de crianças e adolescentes que antes estavam condenadas a um futuro traçado a morte por agressores e pessoas omissas".

E também aproveitou para pedir aos parlamentares para a aprovação do Estatuto das Vítimas. "Henry foi uma vítima fatal, eu sou uma vítima, mas temos diversas vítimas precisando de apoio neste momento em nosso país", disse.

Defesa de Flordelis acusa juíza de falar com jurados sobre o caso e pede transferência de julgamento de Niterói para o Rio

"Gratidão eterna pelo carinho e apoio de todos neste dia tão difícil para mim, mas tenho certeza que o céu está em festa neste dia: tanto pelo aniversário do Henry, quanto pela aprovação da Lei Henry Borel que protegerá e salvará muitas crianças daqui para frente", termina o texto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos