Casos de Covid-19 em farmácias sobem 465% em um mês no Brasil

Os casos de Covid-19 nas farmácias do Brasil saltaram 465% durante o mês de outubro. Enquanto na primeira semana de outubro foram 858 diagnósticos no país, no mesmo período de novembro esse número subiu para 4.850 infecções. Os dados são da Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma).

“O contingente de positivados aumentou 5,6 vezes em relação ao início do mês passado, o que exige do setor uma imediata revisão dos estoques para atender à demanda”, alerta o CEO da Abrafarma, Sergio Mena Barreto.

Veja as recomendações: São Paulo registra aumento nas internações por Covid-19, e governo acende alerta

Alta da Covid-19: Tudo o que você precisa saber sobre o aumento de testes positivos e a vacinação no Brasil

Segundo a associação, 10 estados foram determinantes para a subida detectada no início deste mês, com crescimentos de casos acima de 25% apenas em 7 dias, da última semana de outubro para a primeira de novembro. Foram eles o Amazonas (40%), Rio Grande do Norte (34%), Paraíba (31%), Pernambuco (31%), Santa Catarina (30%), Pará (28%), Rio de Janeiro (28%), São Paulo (28%), Amazonas (26%) e Espírito Santo (25%).

Sono desregulado: Se durmo pouco de segunda a sexta-feira, posso recuperar o atraso no fim de semana?

A Abrafarma destaca ainda que, quando atingiu os 858 diagnósticos em apenas sete dias, em outubro, o índice chegou ao patamar mais baixo desde abril de 2020. Embora o crescimento para 4,8 mil tenha levado a um total ainda distante de outros momentos da pandemia, especialistas explicam que a baixa procura pela testagem faz com que os números reais provavelmente sejam maiores que os registrados.

As informações das drogarias são de mais de 8,9 mil farmácias de todos os estados brasileiros, parte das 26 maiores redes do país, reunidas pela Abrafarma