CBF anuncia reestruturação e Leonardo Gaciba não é mais presidente da comissão de arbitragem

·1 min de leitura

Leonardo Gaciba não é mais presidente da comissão de arbitragem da CBF, anunciou a entidade nesta sexta-feira. De acordo com a nota oficial, o atual vice-presidente, Alício Pena Júnior, assumirá o comando da comissão interinamente, até a conclusão das competições da temporada 2021.

A mudança faz parte de um processo de reestruturação inciado pela confederação. Segundo a entidade, a decisão foi de "entendimento mútuo" entre Gaciba e o presidente em exercício da CBF, Ednaldo Rodrigues Gomes.

"O entendimento mútuo foi pela necessidade de uma mudança, com a implementação de novos procedimentos visando a maximizar os acertos e minimizar os erros de todos os envolvidos. A CBF agradece a Leonardo Gaciba pelo empenho e pela forma altiva e incansável com que exerceu a Presidência da Comissão de Arbitragem da CBF", diz a nota oficial.

Gaciba estava no cargo desde 2019 e foi contratado por Rogério Caboclo para modernizar a arbitragem. A falha do árbitro Vinicius Gonçalves Dias Araújo, na partida entre Flamengo e Bahia, na última quinta-feira, no Maracanã, foi responsável pela antecipação da mudança. O presidente interino da CBF pretendia desfazer a atual comissão ao final da temporada, mas decidiu antecipar a decisão após os erros de arbitragem das últimas rodadas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos