CBF comunica Governo Federal não ser possível transmitir jogo da Seleção Brasileira pela TV Brasil

LANCE!
·1 minuto de leitura


O imbróglio que envolve a transmissão da partida entre Brasil e Peru, pelas Eliminatórias, nesta terça-feira, às 21h, ganhou um novo capítulo. Após uma consulta do governo federal à CBF sobre a possibilidade de transmitir o jogo pela TV Brasil, a entidade que comanda o futebol brasileiro informou não ter competência para negociar os direitos de transmissão. Os únicos autorizados a comercializar a exibição dos jogos são os representantes da agência Mediapro. A CBF não tem como fechar qualquer acordo comercial.

Na noite da última segunda-feira, a Rede Globo comunicou aos funcionários da desistência da transmissão da partida por não ter chegado a um acordo satisfatório com a Mediapro. A agência pediu US$ 20 milhões pelos oito compromissos da seleção como visitante e a emissora não quis pagar. A única forma de assistir a partida será pelos serviço de streaming EI Plus.

O secretário-executivo do Ministério das Comunicações do governo, Fábio Wajngarten, comunicou pelo Twitter que havia feito a consulta à CBF. O secretário-geral da CBF, Walter Feldman, no entanto, foi quem esclareceu a questão.

Pela regra da Conmebol, os direitos de transmissão pertencem ao time mandante. A federação peruana já havia negociado com a Mediapro.