CBF quer reestruturar Comissão de Arbitragem

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Árbitro de vídeo atua desde o Brasileirão de 2019. Foto: Miguel Schincariol/Getty Images
Árbitro de vídeo atua desde o Brasileirão de 2019. Foto: Miguel Schincariol/Getty Images

O presidente interino da CBF, Ednaldo Rodrigues, não anda contente com as arbitragens em todas as divisões do futebol brasileiro. Por isso, a Comissão de Arbitragem, que tem Leonardo Gaciba como mandatário desde 2019, está na mira.

Segundo reportagem do GE, o dirigente tem achado que a arbitragem está deixando a desejar e errando muito em um momento de alto investimento da entidade em tecnologia para ajudar os juízes em campo.

Leia também:

Rodrigues já fez duas reuniões com Gaciba pedindo uma atenção especial dos árbitros nos jogos da reta final das Séries A e B do Campeonato Brasileiro e questiona, principalmente, a falta de critérios em lances semelhantes.

Reclamações por parte dos clubes não faltam. As últimas foram feitas pelas diretorias de Flamengo e Guarani, questionando marcações nos jogos contra Chapecoense e Vila Nova, respectivamente.

No jogo da Série B, os dirigentes do Bugre ficaram indignados com o fato do VAR não ter funcionado. A partida terminou empatada em 2 a 2 e um gol anulado de forma incorreta, poderia ter dado os três pontos para a equipe campineira.

Áudios e diálogos foram liberados recentemente

Visando dar mais transparência às decisões tomadas pelas equipes de arbitragem, a CBF informou no final da semana passada que os áudios e diálogos entre árbitros e a cabine do VAR ficarão disponíveis no site da entidade, no dia seguinte ao fim da rodada.

Vale lembrar que o VAR começou a ser usado em competições nacionais em 2018.

No ano seguinte, o Campeonato Brasileiro foi disputado já com o árbitro de vídeo. Em julho de 2021, a CBF anunciou a implantação do árbitro de vídeo na Séries B, C e D do Campeonato Brasileiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos