CCJ do Senado aprova a PEC da Reforma Eleitoral e, contrariando a Câmara, veta retorno das coligações

BRASÍLIA - A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira a PEC da Reforma Eleitoral. O colegiado decidiu acompanhar a relatora da proposta de emenda à Constituição, senadora Simone Tebet (MDB-MS), e rejeitou a volta das coligações. Como o GLOBO antecipou, Simone Tebet se manifestou em seu parecer contra a volta das coligações, que, segundo ela, gerariam "distorsão do sistema proporcional, fragmentação partidária e falsificação do voto do eleitor".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos