Cedae suspende cobrança de água por 3 meses para clientes com tarifa social e pequenos comércios

A Cedae vai suspender a cobra de contas por três meses para pequenos comércios e clientes com tarifa social

A Cedae suspendeu a cobrança das contas com vencimentos nos meses de maio, junho e julho, para os clientes da companhia que têm tarifa social e para o comércio de pequeno porte. Segundo a companhia, a medida vai atingir 230 mil moradias e estabelecimentos, beneficiando um milhão de pessoas. O objetivo é que a população tenha condições de "priorizar e reorganizar despesas" para enfrentar o avanço do coronavírus no estado.

Os outros clientes da companhia receberão suas faturas mensais normalmente.

De acordo com a empresa, também estão suspensos os cortes de fornecimento enquanto curar a crise, para todos os clientes, inadimplentes ou não.

A autorização do governador do Rio, Wilson Witzel para que a Cedae adote essas medidas foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (dia 26). A empresa informou que atenderá prontamente a determinação.

Entenda quem tem direito

A tarifa social de água é destinada a comunidades carentes e a conjuntos habitacionais para moradores de baixa renda.

Comércio de pequeno porte é aquele que tem uma só matrícula e um hidrômetro com acesso direto à rua, com limite de dez metros cúbicos de faturamento por mês.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra (21 99644 1263)